Criança de 2 anos vai sozinha para casa e mãe acusa creche de negligência

O menino andou por cerca de 1 quilômetro sem que a escola avisasse os responsáveis sobre o sumiço

Uma mãe acusa uma creche municipal de Cajuru, interior de SP, de negligência após o filho sair da escola e caminhar sozinho até em casa. O caso aconteceu na última terça (2).

A mulher, que não quis ter a identidade revelada, disse que o filho andou por cerca de 1 quilômetro sem que a saída fosse comunicada aos pais.

“Fiquei com muita raiva pela falta de respeito porque elas sequer me ligaram para falar que meu filho tinha sumido da creche”, contou à EPTV. 

A mãe diz que estava lavando roupa quando a criança chegou. “Achei que fosse meu marido chegando, aí quando eu vi meu filho veio correndo. Falando ‘mamãe, mamãe’. Eu falei ‘filho, com quem você veio? Ele falou assim: eu vim. Saí aqui fora, não tinha ninguém”, relata.

Brava com a situação, ela foi até a creche para verificar o que tinha acontecido. Lá, soube que o menino havia deixado o local pelo portão sem que os funcionários percebessem. Ela diz que ninguém a avisou sobre o ocorrido.

“Elas simplesmente entraram, viraram as costas, depois veio outra moça e disse que meu filho tentou abrir o portão três vezes e que ele abriu o portão e saiu”, afirma.

A mãe diz que vai procurar a Polícia Civil para investigar o caso, que poderia ter um desfecho diferente. A prefeitura da cidade disse que irá instaurar um processo administrativo. A creche ainda não se manifestou.