Brasileira de 11 anos se torna a mais jovem campeã de mundial de skate

A etapa de Street League Skateboarding conta pontos para os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020

A pequena brasileira Rayssa Leal, de apenas 11 anos, venceu a etapa da Street League Skateboarding, campeonato mundial de skate, no último domingo (28), em Los Angeles, na Califórnia. Com isso, ela se torna a skatista mais jovem a ganhar uma etapa da liga.

“Nossa, estou sem palavras de poder, na minha terceira Street League, estar no pódio com minhas amigas que eu me inspiro muito (…) Esse troféu foi para o meu irmão”, disse a garotinha após a conquista. Leal é de Imperatriz, no Maranhão, e quase venceu também a etapa anterior.

Outro destaque brasileiro foi Pamela Rosa, que ficou em segundo lugar. Já Letícia Bufoni terminou o torneio na sexta posição. Essa etapa do mundial conta pontos para os Jogos Olímpicos de Tóquio, que acontecerão na capital japonesa de 24 de julho a 9 de agosto de 2020.

Na semifinal da Street League, o Brasil ainda esteve presente em 17º lugar, com Isabelly Ávilla, em 19º lugar com Gabi Mazetto, em 23º com Marina Gabriela, em 26º com Virginia Fortes Aguas e em 30º com Karen Feitosa.

Já na equipe masculina, o destaque foi o jovem Giovanni Vianna, que participava do campeonato pela primeira vez. O skatista chegou a final, mas terminou a disputa na quarta colocação, o melhor entre os brasileiros.

Leia também: Modelo brasileira de 15 anos com Down vira capa de revista na Austrália

+ Alunas se mobilizam para que Fuvest inclua mais autoras em lista de livros

Relacionamento abusivo: saiba se você está em um no podcast Senta Lá, CLAUDIA