Assassino do menino João Hélio é liberado da cadeia

O garoto morreu em 2007, após ser arrastado em um carro por quase sete quilômetros

Carlos Roberto da Silva, um dos assassinos do garoto João Hélio, saiu da cadeia nesta quinta-feira (29). Condenado a 39 anos de prisão, ele passou dez anos em regime fechado e agora foi autorizado pela Justiça do Rio de Janeiro a cumprir o resto da pena em casa.

Assassino do menino João Hélio

 (Reprodução/Rede Globo)

Ele fez parte do grupo que assaltou o carro onde o garoto estava com a família, em fevereiro de 2007. João Hélio, que tinha apenas seis anos, foi arrastado por quase sete quilômetros.

Ele ficou preso no cinto de segurança enquanto tentava sair do veículo, que partiu em disparada. Em 2008, os quatro envolvidos foram condenados pelo crime de lesão corporal grave resultante em morte. 

Carlos não poderá sair de casa das 22h às 6h ou em dias de folga, sábados, domingos e feriados. Ele também será obrigado a usar tornozeleira eletrônica e deve se apresentar à Polícia nos próximos dias para a instalação do dispositivo.

Leia também: Homem que atraiu meninas com doces, matou e depois estuprou pega 61 anos

+ Marido de Larissa Riquelme é preso por estuprar afilhada

PODCAST – Está na hora de pedir aumento de salário?