Você já pensou em comer… trufas de quiabo? E doce de jiló?

Eles podem não ser ingredientes muito populares quando servidos refogados ou em saladas salgadas, mas rendem doces diferentões e bem gostosos!

Jiló e quiabo são alguns dos melhores exemplos de alimentos que as pessoas amam ou odeiam. Tradicionalmente consumidos refogados (ainda quentinhos) ou em saladas (já resfriados), ninguém se espanta se sobra bastante deles no final das refeições.

Talvez o problema para quem torce o nariz para jiló e quiabo esteja na forma como eles são servidos. Que tal dar-lhes uma nova chance e se aventurar em doces diferentões e bem gostosos feitos com eles? Trazemos aqui duas receitas, uma de cada.

Trufas de quiabo

Trufas de quiabo

 (/)

Varie o recheio da trufa com uma “massa” doce de quiabo e surpreenda-se com um gostinho que fica entre o umami e o cítrico.

Doce de jiló em calda

Você precisará de tempo (três dias para tirar o amargor do jiló + 12 horas para a calda doce ser absorvida) e de folhas de figo para fazer este doce. A consistência fica semelhante à do doce de figo em calda, mas com o sabor característico do jiló.