Clique e assine com até 75% de desconto

Zendaya é a segunda mulher negra a vencer um Emmy

Atriz também é a mulher mais jovem a vencer o prêmio de melhor atriz. A série "Euphoria" que lhe rendeu o prêmio fala sobre adolescência e drogas

Por Da Redação Atualizado em 21 set 2020, 14h45 - Publicado em 21 set 2020, 14h44

Na noite de domingo (20), mais uma conquista histórica aconteceu no cinema. A atriz Zendaya ganhou seu primeiro Emmy aos 24 anos, na categoria de melhor atriz de drama pela série “Euphoria“.

Além de se tornar a atriz mais jovem a vencer um Emmy, superando Jodie Comer, que tinha 26 anos quando ganhou no ano passado pela série Killing Eve, Zendaya também se tornou a segunda mulher negra a vencer o prêmio. A primeira mulher negra a vencer um Emmy de melhor atriz em série dramática em 67 anos foi Viola Davis, por seu papel na série How To Get Away With Murder. 

Na série Euphoria, Zendaya interpreta Rue, uma jovem viciada que, apesar de ter passado por uma overdose, continua usando drogas, até se apaixonar por sua melhor amiga. O que chama atenção na série é a forma madura e sensível com que o tema da passagem da adolescência para a vida adulta é tratado, sem perder o estilo pop.

A série oscila entre momentos de leveza e, como diz o nome, euforia, mostrando a vulnerabilidade e o vício de Rue, mas também a paixão da jovem pela amiga. A série segue um grupo de jovens e suas experiências com drogas, sexo, amizades, amor e traumas.

Caminhos de Zendaya até o Emmy

Zendaya começou a atuar por influência de sua mãe que dava aulas e trabalhava como gerente do Shakespeare Theater, na Califórnia. A popularidade foi alcançada com apenas 13 anos de idade quando interpretava Rocky Blue na série No Ritmo, da Disney Channel.

Com muita rapidez ela se tornou uma estrela infanto-juvenil da televisão. Quando seu contrato estava para encerrar com a Disney, ela impôs uma condição para que continuasse no canal: que a Disney aumentasse a diversidade da programação. A proposta foi bem recebida e a alçou ao posto de produtora executiva da série K.C Undercover, sobre uma família de espiões negros.

Sua estreia no cinema foi em 2017, no filme Homem Aranha: De Volta ao Lar, e embora sua participação tenha sido curta, conseguiu chamar a atenção da crítica. Dois anos depois sua personagem Michelle Jones também esteve na sequência  Homem Aranha: Longe de Casa.

Continua após a publicidade

Na série Euphoria, da HBO, seu trabalho de maior destaque, Zendaya mostrou todo seu talento. Seu próximo trabalho no cinema será no filme Duna, adaptação do livro de Frank Herbert, sendo par do ator Timothéé Chalamet, e não para por aí –  Zendaya e o ator John David Washington gravaram um filme secreto entre os dias 17 de julho e 02 de julho, durante a pandemia do coronavírus.

Intitulado como Malcom & Marie, o filme teve gravações com protocolos rígidos de segurança. De acordo com o site Deadline, os produtores contaram com médicos, advogados e sindicatos do ramo cinematográfico para cumprir todos os requisitos necessários para começar as produções. O filme ainda está sem uma data de estréia definida.

  • O que falta para termos mais mulheres eleitas na política

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade