Rodrigo Faro sobre Veral Viel: “Ela é a melhor mulher que eu poderia ter”

No auge da carreira, o apresentador Rodrigo Faro se declara para a mulher, Vera Viel, e diz que não teria chegado ao topo sem ela!

Rodrigo Faro e Vera Viel
Foto: Gabriel Rinaldi

Dizem que, por trás de todo grande homem, existe uma grande mulher. Com Rodrigo Faro, 40 anos, essa máxima parece fazer todo sentido. Casado há 17 anos, o apresentador de A Hora do Faro, da Record, fala com orgulho da mulher, Vera Viel, 38 anos. “Se fiz tudo o que fiz na vida, é porque tenho uma mulher muito companheira”, diz. Vera também se derrete: “Deixei minha carreira para construir uma família com ele e não me arrependo. Ele é minha alma gêmea”. Conheça a intimidade deste casal, que é pura inspiração!

Grudados há 17 anos
Neste mês, Rodrigo e Vera completam 17 anos de relacionamento. A história deles começou numa tarde ensolarada de maio durante a gravação de um comercial. Simpatizaram-se de cara. Ela usava biquíni, ele, chinelo. Vera conta que as peças eram da mesma cor, e Rodrigo, interessado, deu um jeito de brincar com o fato. “Estava um solão. Ele colocava toalha para eu não me queimar no sol, oferecia água para eu beber… Ali, percebi o jeito dele, carinhoso, cuidadoso, saquei que era legal. Depois daquele dia, nunca mais nos desgrudamos.”

Rodrigo Faro sobre Veral Viel: "Ela é a melhor mulher que eu poderia ter"

Vera e Rodrigo no início do namoro
Foto: Ana Paula/Divulgação


Amor em tempos de perrengue
Hoje, famosos e milionários, eles se conheceram em tempos de “vacas magras”. “Venho de família humilde, classe C, perdi meu pai cedo e trabalho desde os 8 anos”, diz o apresentador. “Eu também tenho origem humilde. Nasci em Vinhedo [SP], filha de um pedreiro e de uma dona de casa”, conta Vera. “Quando nos conhecemos, ele tinha um carro velho e ainda morava com a mãe”, diz ela.

Eles têm determinação de sobra
Para construírem essa família “de comercial de margarina” – são pais de Clara, 8, Maria, 5, e Helena, 1, três meninas fofíssimas -, foi preciso muita cumplicidade. “Vera abdicou da carreira para que eu pudesse seguir em frente. Sou muito grato”, derrete-se Faro. “Eu e as meninas somos o alicerce dele”, diz ela, que apresenta o Zapping, da Record News.

//instagram.com/p/cmICILM3bM/embed/

Gente como a gente
Mesmo com toda a fama e tanta grana (só no ano passado, Faro teria faturado R$ 45 milhões), a família procura levar uma vida simples. “Nossa vida é bem normal. Não mandamos funcionário [são mais de sete só na casa em São Paulo] fazer supermercado, levo as meninas à escola, sento no chão para assistir às aulas de balé. Tentamos blindá-las de frescuras. Não existe isso de: ‘Sou filha do Faro'”, diz Vera. “Somos tranquilos. Isso de helicóptero, avião particular, não combina com a gente”, decreta ele. “Nossas maiores extravagâncias são o barco de Angra dos Reis, uma boa casa em São Paulo e um apartamento em Miami. Guardamos dinheiro para nossas filhas”, diz Faro.

Será que a família ainda pode crescer?
“Fechamos a fábrica”, diz Rodrigo. “Queria que ele operasse, mas ainda não operou. Tomo anticoncepcional, vamos parar por aqui”, afirma Vera. Isso porque as filhas consomem boa parte do tempo livre do casal. “Vou dormir às 21h30, quando acaba Chiquititas [SBT]. Daí, Rodrigo reclama que sempre janta sozinho. Tenho que me policiar para não esquecê-lo, coitadinho”, diz, revelando que faz oito anos que não viajam sozinhos. “Nós não conseguimos ficar longe delas!”

Dia a dia do casal
“Claro que há fases de menos atração, mas nossa relação tem respeito, conversa e muita paciência, a principal substância de nosso amor”, diz Faro.

“Pedimos a opinião um do outro para tudo, falamos ao telefone o tempo todo. Outro dia, a Clara não estava entendendo a lição de casa, e nem eu! Tirei uma foto para ele nos ajudar, acredita? Rodrigo faz tudo em casa. Pendura todos os quadros, conserta tudo o que quebra. Ele brinca que não somos ninguém sem ele”, comenta Vera.

“Discutimos e temos nossos desentendimentos. Mas é sempre coisa boba, pequena perto do que temos e sentimos um pelo outro”, diz Vera, que revela manias de Faro que a irritam. “Ele vai ao banheiro de porta aberta, deixa o miolo do pão na mesa, o café aberto… Daí passo arrumando tudo.”