O que fez Claudia Raia para escapar de abuso sexual aos 13 anos

Atriz contou com uma estratégia no momento para se livrar do agressor

Como muitas mulheres, Claudia Raia também esteve diante de um episódio de violência sexual ao longo de sua vida. Conforme relatou ao jornal Extra, a atriz foi vítima de um assédio sexual aos 13 anos e contou com uma estratégia no momento para se livrar do agressor.

Na época, Claudia havia se mudado para Nova York para estudar no American Ballet Theater. Desse modo, a artista se hospedou na casa de um homem. Foi o próprio a pessoa que tentou abusar dela.

Diante da situação de abuso, Claudia não pensou duas vezes para escapar do agressor: “Joguei uma coruja de vidro na cabeça dele e saí correndo, sem saber se o tinha matado”, contou.

Ao fugir da casa do homem, Claudia se viu na rua, chorando. Foi quando uma professora de balé de Raia a encontrou. “Ela morava com quatro mulheres loucas, cocainômanas, num apartamento de 40 metros quadrados. Fiquei dormindo dentro de uma banheira, por falta de espaço.”