Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Mulheres que acusaram James Franco dão entrevista pela 1ª vez

Mulheres quebraram o silêncio falando abertamente sobre abusos sexuais cometidos pelo ator

Por Da Redação 23 jan 2018, 15h35

Desde que James Franco – vestindo um broche escrito “Time’s Up” – ganhou um Globo de Ouro por sua atuação em “The Disaster Artist”, uma onda de denúncias de assédio sexual cresceu contra o cantor.

Durante a própria cerimônia, ele foi citado no Twitter por um comportamento violento do passado. Então, em um segundo momento, no The Late Show com Stephen Colbert, disse que as informações “não eram precisas” e que apoiava “as pessoas podendo ter uma voz depois de tanto tempo silenciadas”.

Nesta terça-feira (23), duas dessas mulheres, Violet Paley e Sarah Tither-Kaplan, estiveram no programa matinal Good Morning America para comentar o caso.

“James abusou de seu poder ao explorar as mulheres que não eram celebridades csob o disfarce de dar-lhes oportunidades”, diz Tither-Kaplan, ex-aluna de Franco. Ela continua dizendo que sabe que ela está colocando seu sonho de ser atriz em risco ao depor contra Franco e que, mas que se sentia muito desconfortável trabalhando em cenas nuas com outros estudantes.

Paley, por sua vez, diz que Franco a pressionou para transar. Ela chegou a manter relações sexuais com ele de forma consensual e diz que entende que isso complica seu testemunho. “Estou arrependida”, afirmou.

Continua após a publicidade
Publicidade