Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Em discurso, Príncipe Harry fala pela 1ª vez sobre saída da Família Real

O Duque de Sussex aproveitou um evento de caridade para contar a sua versão da história

Por Da Redação - Atualizado em 17 fev 2020, 10h18 - Publicado em 19 jan 2020, 20h03

Neste domingo (19), o Príncipe Harry fez sua primeira aparição pública quase duas semanas depois que ele e Meghan Markle anunciaram a decisão de deixarem os cargos de membros seniores da Família Real. Ele participou de um evento organizado pelos apoiadores da instituição de caridade Sentebale, que promove a saúde mental e o bem-estar das crianças afetadas pelo HIV.

Harry fez um discurso no evento, durante o qual abordou o recente acordo do casal com a rainha Elizabeth.  “Antes de começar, devo dizer que imagino o que devem ter ouvido ou lido nas últimas semanas. Então, quero que ouçam a verdade de mim, tanto quanto eu posso compartilhar – não como um príncipe ou um duque, mas como Harry, a mesma pessoa que muitos de vocês assistiram crescer nos últimos 35 anos”, introduziu.

Leia na íntegra:

“O Reino Unido é minha casa e um lugar que eu amo. Isso nunca vai mudar. Eu cresci sentindo o apoio de muitos de vocês e vi como receberam Meghan de braços abertos enquanto me viam encontrar o amor e a felicidade que eu esperei por toda a minha vida. Finalmente, o segundo filho de Diana foi “pego”, viva!

Também sei que vocês me conheceram o suficiente durante todos esses anos para confiar que a mulher que escolhi como esposa detém os mesmos valores que eu. E e ela é a mesma mulher por quem me apaixonei. Nós dois fazemos tudo o que podemos para erguer a bandeira e desempenhar nossos papéis neste país com orgulho.

Quando Meghan e eu nos casamos, ficamos empolgados, esperançosos e estávamos aqui para servir. Por esses motivos, sinto-me muito triste por ter chegado a isso. A decisão que tomei para que minha esposa e eu recuássemos não foi sob ânimo leve. Passamos por muitos meses de conversas depois de tantos anos de desafios. Eu sei que nem sempre entendi direito, mas no que diz respeito a isso, realmente não havia outra opção. O que quero esclarecer é que não fomos embora e certamente não estamos indo embora.

Nossa esperança era continuar servindo a rainha, a comunidade e minhas associações militares, mas sem financiamento público. Infelizmente, isso não foi possível. Aceitei, sabendo que isso não muda quem eu sou ou como estou comprometido. Espero que entendam o que aconteceu, que eu estou afastando minha família de tudo que já conheci para dar um passo adiante no que espero que possa ser uma vida mais pacífica.

Continua após a publicidade

Nasci nesta vida e é uma grande honra servir ao meu país e à rainha. Quando perdi minha mãe há 23 anos, vocês me levaram para embaixo de suas asas. Vocês me observam há tanto tempo, mas a imprensa é uma força poderosa. Minha esperança é que um dia nosso apoio coletivo um ao outro possa ser mais poderoso, porque isso é muito maior do que apenas nós.

Foi nosso privilégio atendê-lo e continuaremos levando uma vida de serviço. Sempre terei o maior respeito por minha avó, minha comandante, e sou incrivelmente grata a ela e ao resto da minha família pelo apoio que mostraram a Meghan e a mim nos últimos meses. Continuarei sendo o mesmo homem que valoriza seu país e dedica sua vida a apoiar as causas, instituições de caridade e comunidades militares que são tão importantes para mim. Juntos, vocês me ensinaram sobre a vida. E esse papel me ensinou mais sobre o que é certo do que eu jamais poderia imaginar. Estamos dando um salto de fé. Obrigado por me dar a coragem de dar o próximo passo.”

Assista aqui (em inglês):

View this post on Instagram

at tonight’s dinner for supporters of Sentebale in London Video © SussexRoyal

A post shared by The Duke and Duchess of Sussex (@sussexroyal) on

Continua após a publicidade
Publicidade