Descubra os segredos do guarda-roupas da Rainha

Angela Kelly, assistente da monarca por anos, relatou algumas das histórias que viveu no palácio em seu novo livro

Angela Kelly, auxiliar e estilista da Rainha Elizabeth II, lançou um livro em que conta algumas histórias dos anos que passou ao lado da rainha, além de curiosidades e segredos sobre a vida no palácio e o guarda-roupa da Monarca. O livro The Other Side of the Coin: The Queen, The Dresser and the wardrobe (O outro lado da moeda: A Rainha, a costureira e o guarda-roupas, em tradução livre) recebeu autorização da monarquia para sua publicação.

Angela Kelly

Angela Kelly (Max Mumby/Indigo/Getty Images)

Depois de tantos anos trabalhando juntas, Angela e a rainha tornaram-se grandes amigas. Entre as curiosidades contadas no livro está a de que a monarca precisa de ajuda para amaciar seus sapatos. Como ela e a assistente calçam o mesmo número, Angela, que começou a vestir a rainha em 2002, costumava fazer isso. “A rainha tem muito pouco tempo para si mesma e não resta nada para calçar seus próprios sapatos. Como temos pés do mesmo tamanho, faz bastante sentido que eu faça isso”, disse.

Anualmente, a rainha Elizabeth II faz uma aparição na corrida de cavalos Royal Ascot. O evento é muito esperado não só pela corrida em si, mas também pelas apostas sobre a cor do chapéu da monarca. Quando essa informação foi descoberta, Angela fez um acordo com o chefe de uma casa de apostas sobre o horário de encerramento dos palpites e usa até peças falsas para despistar os curiosos. Mesmo dentro do palácio, o suspense é mantido e as roupas e chapéus ficam em embalagens fechadas, que só são abertas em uma sala em que entram apenas pessoas autorizadas. O esquema se tornou ainda mais sigiloso depois de um ano em que a informação vazou por um funcionário do local.

A rainha na Royal Ascot de 2019

A rainha na Royal Ascot de 2019 (Charlie Crowhurst/Getty Images)

Todas as roupas são pré-selecionadas por Angela e sua equipe, mas a decisão final é somente da rainha. Ela gosta de usar cores fortes para poder se destacar na multidão e amarelo é uma de suas favoritas, apesar do filho, Príncipe Charles, não gostar da cor.

Nos batismos reais, todos os bebês usam a mesma roupa, que é uma réplica da primeira versão do traje. Foi Kelly quem ajudou a recriar a roupa batismal usando chá preto para escurecer um pouco o tom branco. “Para garantir que parecesse autêntico, nós o mergulhamos em um chá Yorkshire (o mais forte que conhecemos). Eu olhava a peça de cinco em cinco minutos para checar se já estava com a cor perfeita”, escreveu.

 (Pinterest/Reprodução)

Na obra, Angela Kelly também rebate reportagens que disseram que a rainha quebrou o protocolo real ao abraçar Michelle Obama.“Na realidade, foi um instinto natural da rainha para demonstrar afeto e respeito por outra grande mulher, e não existe qualquer protocolo real que trate disso”, afirmou.

 (Pinterest/Reprodução)

Outra curiosidade é que a Rainha não hesitou em aceitar o convite para participar da abertura das Olimpíadas de Londres em 2012 ao lado de Daniel Craig, intérprete de James Bond. A única exigência da monarca, segundo Angela, foi que ela pudesse usar a frase icônica “Boa noite, sr. Bond”, referindo-se ao personagem e tirar uma foto com o ator.

Por seu trabalho e amizade com a rainha, Angela ganha alguns privilégios a mais que outros empregados do trabalho. A estilista tem uma Land Rover própria, por exemplo. A relação parece também despertar incômodo em alguns dos outros funcionários, causando algumas brigas e desentendimentos. Em 2009, sua parceira e designer Alison Pordum deixou o emprego porque estava “cansada de ser segunda opção”.

Leia mais: Gwen Stefani e Blake Shelton devem se casar ainda este ano

+ 4 poesias atemporais de Carlos Drummond de Andrade

PODCAST – Por que não sinto vontade de transar?