Coronavírus mais perto da Família Real

A preocupação para preservar a saúde da Rainha é crescente

Era esperado e já é oficial. Um funcionário da equipe da Rainha Elizabeth II foi confirmado com o novo coronavírus e está em quarentena em Londres. Não ficou claro se a Rainha, que se reuniu com o príncipe Philip em Windsor (cerca de 40 minutos da capital britânica), teve algum contato direto com o funcionário antes de partir para o isolamento voluntário. Aos 93 anos, ela está um dos grupos de maior risco com o vírus, assim como Philip, que tem a saúde mais frágil e está com 98 anos.

O funcionário não foi identificado e testou positivo ainda na semana passada, diz o The Sun. “O Palácio tem 500 funcionários e como qualquer ambiente de trabalho não é inconcebível que seja afetado de alguma forma”, informa a fonte ao jornal.

Procurado por jornais, o Palácio de Buckingham diz que não comenta sobre membros da equipe. “Seguimos a orientação e nossos processos internos e tomamos as medidas necessárias para proteger todos os funcionários e pessoas envolvidas”, um porta-voz comunicou.

A Rainha se prepara para falar com os súditos sobre as mortes e a pandemia. Segundo o Primeiro Ministro, Boris Johnson, a voz de Elizabeth II “vai acalmar e dar apoio de que no final das contas, vamos superar tudo isso”, antecipou.

 Dia das mães mais triste

No Reino Unido, o Dia das Mães foi celebrado no domingo (22) e a Família Real foi às redes sociais para mandar mensagens para fãs e súditos. A Rainha postou uma imagem sua – mais jovem – com sua mãe, a Rainha-Mãe, falecida há 18 anos, aos 102 anos de idade.

“O Dia das Mães é uma oportunidade de agradecer e celebrar todas as mães e cuidadoras, onde quer que estejam. Hoje pode ser um dia diferente e difícil para aqueles que normalmente planejariam passar um tempo com suas mães, enquanto nos adaptamos às mudanças necessárias e interrupção da nossa rotina normal e estilo regular de vida.. Mas, para todas mães em qualquer lugar, estamos pensando em você e desejando um Feliz Dia das Mães”, diz o Instagram.

Kate Middleton e príncipe William postaram um texto semelhante de carinho e preocupação, mas postaram uma foto inédita dos dois brincando com a princesa Charlotte e príncipe George, além de uma foto de Diana com Harry e William e de Kate no colo de sua mãe, Carole Middleton.

 

O mais fofo, no entanto, foi o belo cartão feito por príncipe George para sua mãe, que revela uma Kate babona como todas as mães.

 (Instagram/@CambridgreRoyal/Reprodução)

Harry e Meghan continuam isolados no Canadá

Desde que retornaram para América do Norte, Meghan Markle e príncipe Harry não têm sido fotografados e seguem em isolamento voluntário. Segundo amigos, Harry tem dividido sua preocupação quanto à saúde da avó e a distância o tem deixado mais ansioso. Na imprensa americana também tem circulado matérias de que o príncipe tem feito questão de falar que foi dele a decisão de deixar a Inglaterra, não de Meghan, depois que ele percebeu que ela não teria um tratamento justo na imprensa britânica. A paixão de Harry pela Rainha ficou claro no post no Instagram, em que ele e Meghan brincam com os sotaques em inglês de como dizer ‘mãe’ ( na Inglaterra falam ‘mum” e nos Estados Unidos, ‘mom’) e incluem “vovó” no post do Dia das mães.  “Obrigado”, diz o post.