Clique e assine Claudia a partir de R$ 5,90/mês

Ana Maria Braga conta que sofreu assédio sexual e quebrou o braço ao fugir

Apresentadora revelou detalhes do episódio em entrevista ao Roda Viva, em que também falou de sua trajetória e da luta contra o câncer

Por Da Redação - Atualizado em 22 set 2020, 12h51 - Publicado em 22 set 2020, 09h48

Em entrevista ao programa Roda Viva para marcar os 70 anos da TV brasileira, na noite de segunda-feira 21, a apresentadora Ana Maria Braga revelou que foi assediada sexualmente por um diretor de televisão, no passado.

“O assédio não foi feito fisicamente porque eu estava na sala de um diretor. Ele tinha pedido um projeto para mim que ia ser muito bom para a televisão brasileira. Eu fiz um projeto lindo, fiquei 15 dias trabalhando no projeto, acreditando que eu pudesse sair do programa da tarde e ter um programa à noite na televisão. Ele tinha me dito, olha você pode ser a Hebe Camargo amanhã, dependendo do que… A Hebe já era a Hebe Camargo”, contou durante a entrevista gravada na semana passada, a pedido de Ana.

Ao levar o projeto jornalístico para ele, ela foi assediada e na fuga se machucou. “Ele me olhou e levantou da mesa e veio para cima de mim e eu fiquei absolutamente estupefata e ele disse, olha, venha cá. E eu fugi. Quando eu fugi da sala dele, saí com tanto ímpeto que tinha uma escada, e eu despenquei da escada do nono andar, até o oitavo andar que era o andar do departamento comercial. Alguém me socorreu, me acudiu, eu quebrei o braço”, contou.

Ela tentou denunciar o episódio. Eram os Diários Associados na época, eu fui e marquei uma reunião lá na rua Sete de Abril para falar daquele indivíduo para o chefe geral da nação que eu trabalhava”, disse. Ana Maria não quis dar nomes e disse que um dos envolvidos, inclusive, já morreu. Na época, a denúncia não surtiu efeito. “Ficou como estava, ele continuou sendo o que ele era lá”, disse.

Anos depois, quando saía de um restaurante, Ana Maria reencontrou seu assediador que, ao reconhecê-la abaixou a cabeça, logo após cumprimentar o empresário que a acompanha.

Durante a entrevista, a apresentadora também revelou detalhes de sua trajetória profissional e também pessoal. No início deste ano, precisou ficar afastada do comando do programa “Mais Você” para enfrentar um novo câncer. Foi a quarta vez que ela teve que lutar contra a doença.

“Cada vez, a cada susto, quando você acha que já se livrou, ele voltou em outra área, de outra forma. Quando meu médico disse que a gente ia ter que olhar de novo, é o mesmo susto, a mesma reação. É um nome que assusta muito qualquer pessoa. Quanto antes é descoberto é melhor, mas é um baque muito grande. Aí você se refaz e diz: ‘vamos guerrear e vencer essa brincadeira séria’. Eu adoro viver”.

Continua após a publicidade
Publicidade