CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Inspira: o que ler, ver, ouvir e testar em julho

Uma seleção esperta (e diversa) feita pela nossa editora-chefe para você não perder nada de legal esse mês

Por Paula Jacob 10 jul 2022, 11h51

Tem tanta coisa acontecendo no mundo que, às vezes, fica difícil saber onde investir seu tempo (e dinheiro) para conseguir ter experiências de fato legais e enriquecedoras. Por isso, todo mês, o Inspira se propõe a te ajudar nessa tarefa com uma curadoria de referências do universo da música, do cinema, da moda, da beleza e mais. Aos destaques do mês de julho:

MÚSICA

Novo disco Lizzo,
AB+DM/Divulgação

Ela evoca atitude
Com uma linha de baixo glamourosa e teclados cintilantes, a cantora Lizzo retorna com o ótimo “About Damn Time”, primeiro single de seu quarto álbum de estúdio,
Special. A canção, que resgata as melodias infecciosas dos anos 1980, é uma resposta afiada e bem-humorada aos ataques gordofóbicos e racistas que a artista vem sofrendo nas redes sociais há alguns meses. Aliás, essa é uma das maiores virtudes da rapper: transformar situações incômodas — como decepções amorosas, problemas de autoimagem e injustiças sociais — em hits grandiosos que nos dão um respiro em meio às dificuldades da vida. “Grrrls”, faixa- promocional do disco, faz sample de “Girls”, clássico da banda Beastie Boys.

Novo disco Lizzo,
AB+DM/Divulgação

A doce melodia, acoplada à produção R&B imponente de Benny Blanco, Terrace Martin e Pop Wansel, reforça
a mensagem poderosa e irreverente da música, que serve como uma carta de amor à união feminina.
Em entrevista recente à rádio SiriusXM, Lizzo revelou que o projeto representa um meio-termo entre o que o mundo vivenciou nos últimos anos e as suas próprias questões emocionais. “Quis criar algo etéreo, que conversasse com o que as pessoas precisam ouvir. Por isso, as faixas falam sobre o amor em suas diversas facetas”, declarou. Ansiosos? Special chega às plataformas de streaming no dia 15 de julho. (KALEL ADOLFO)

Majur no MECA Inhotim
MAR+VIN/Divulgação

Meu Brasil

Depois de dois anos e meio longe da sua comunidade musical, o MECA Inhotim volta com tudo. Localizado dentro do maior museu a céu aberto do mundo, o festival de música traz, como já é de praxe, uma curadoria de line-up pensada para unir públicos de gostos, gêneros, idades e regiões diferentes com nomes quentes da cena nacional.

Caetano Veloso no MECA Inhotim
Fernando Young/Divulgação

De Bala Desejo a Caetano Veloso, de Majur a Alceu Valença, espere por apresentações eletrizantes. O que muda em 2022? Uma organização mais intimista, na medida do possível, com horários espaçados para que o público possa aproveitar também as atividades paralelas. Por ali, terão palestras  e workshops dentro das temáticas que guiam a atuação do MECA: sustentabilidade, inovação e, claro, cultura.

“O nosso objetivo é criar encontros que sejam verdadeiros com o momento atual. Estamos felizes de ocupar Inhotim com novas bandas e dar a oportunidade às pessoas de se apaixonarem por outras referências musicais”, conta Rodrigo Santanna, fundador do festival. De 12 a 14 de agosto. ingresse.com/mecainhotim2022

PODCAST

Podcast Amazônia Invisível
Cacalos Garrastazu/Divulgação

De olhos abertos

Impossível estar no Brasil e não ser impactada pela pauta ambiental. Sorte que obras como Amazônia Invisível têm ganhado cada vez mais espaço na produção cultural e jornalística. A partir do olhar da jovem ativista Beka Mundukuru, de 19 anos, os dez episódios investigam o que acontece no sudoeste do Pará, região de tensão que é uma das mais ameaçadas da Floresta Amazônica atualmente. Num formato de grande reportagem, com narração da jornalista Andréia Lago, o podcast é resultado de 18 meses de pesquisa e atuação in loco, além de mais de 86 entrevistas feitas com vozes de diferentes interesses, incluindo povos indígenas, quilombolas, ribeirinhos, ambientalistas e políticos. @storytelbrasil

STREAMING

Physical, Apple TV+
Apple TV+/Divulgação

Let’s get…

Physical! Desculpe por deixar a clássica música de Olivia Newton-John na sua cabeça agora, mas era inevitável. E não só pelo nome, que referencia esta impecável produção original da Apple TV+, mas também pela estética glam-gym inconfundível dos anos 1980. Na história, somos cúmplices da mente nem tão ajustada de Sheila (Rose Byrne), dona
de casa que luta contra os fantasmas dos seus distúrbios alimentares ao passo que encontra nas aulas de aeróbica uma saída possível para a sua emancipação financeira e afetiva. Mas não há body cintilante e polaina que consiga mascarar as complexidades emocionais da protagonista. Aproveite que a segunda temporada está no ar e dê o play.
tv.apple.com/br

AMOR & SEXO

Vibradores Dia do Orgasmo
Dedeira vibratória Dory (S-Hand na Climaxxx, R$ 209,90) Climaxxx/Divulgação

Pode vir quente

Talvez você não saiba, mas 31 de julho é também conhecido como Dia do Orgasmo. E, vamos combinar?, nada melhor
que celebrar a data com todo prazer que merecemos. Esteja você solteira, enrolada ou casada, aposte nos modelos de vibradores Lírio (Dona Coelha, R$ 399,90) e Dory (S-Hand na Climaxxx, R$ 209,90). O primeiro funciona como um vibrador clitoriano que abrange também a região ao redor do ponto mais sensível da vulva. Os micro “estigmas” despertam a pele com potência e delicadeza. Já a dedeira vibratória tem atuação intensa e focada onde for estimular – se tiver companhia, use junto com a penetração, 10/10.

Vibradores Dia do Orgasmo
Vibrador Lírio (Dona Coelha, R$ 399,90) Dona Coelha/Divulgação

Falando nela, o anel peniano Nós (Fun Factory na Egalité, R$ 870) é “O” sex toy para compor um vai e vem que faz a alma sair do corpo (mesmo!). A potência é tamanha que o brinquedo não é indicado para uso por mais de 20 minutos. Hot hot hot! donacoelha.com & climaxxx.com.br & egalitesexshop.com.br

Vibradores Dia do Orgasmo
Fun Factory/Divulgação
Continua após a publicidade

CINEMA

Natalie Portman Thor entrevista
Marvel/Divulgação

Multifacetada, ela

Natalie Portman é um dos maiores ícones do cinema: aos 11 anos, a estrela já fazia história ao interpretar Matilda em O Profissional (1994). Após quase três décadas de carreira, a vencedora do Oscar se mantém firme na indústria com papéis desafiadores. E Jane Foster é um deles. “Trabalhar com Taika Waititi [diretor de Thor: Amor e Trovão] é uma experiência única. Não há como compará-lo com outros cineastas. Ele realmente exige que sejamos espontâneos. Você nunca faz a mesma coisa duas vezes. O único preparo possível no set foi estar aberta a tudo”, explica ela, em entrevista para CLAUDIA, ao ser questionada sobre a experiência de estar na superprodução da Marvel.

Natalie Portman Thor entrevista
MARVEL/Divulgação

Aliás, durante as gravações, a atriz Tessa Thompson foi uma das responsáveis por ajudar Natalie a se divertir e mergulhar no personagem. “Ela é simplesmente feroz, sabe? E como somos amigas há anos, algumas cenas deixam essa energia da amizade em evidência.” De todos os papéis já interpretados em sua carreira, ela, sim, tem um preferido. “Cisne Negro! Eu amo esse filme, ele carrega um significado importante para mim, e por muitos motivos. Inclusive foi onde conheci meu marido [Benjamin Millepied, coreógrafo francês].” Thor: Amor e Trovão já está em cartaz nos cinemas. (KALEL ADOLFO)

BELEZA

Perfume Giorgio Armani Sí
Divulgação/Divulgação

Noite-dia

Escolher perfumes é aquela tarefa 100% pessoal, mas uma ajudinha no direcionamento sempre cai bem. A primeira dica olfativa é a nova versão do icônico Sì, da Giorgio Armani, o Sì Passione Éclat de Parfum (a partir de R$ 569, na Sephora). Essa reinterpretação, desenvolvida pela perfumista Julie Massé, é mais envolvente e intensa. Nele, somos surpreendidos pela elegância do cheiro que surge a partir da combinação de néctar de cassis, bergamota, rosas centifolia e damascena + almíscares brancos e infusão de baunilha. Em resumo: uma sensação delicada mas picante que combina com os encontros noturnos.

Chanel perfume PARIS-PARIS
Chanel/Divulgação

Do outro lado, para quem busca algo para o dia a dia, o novo PARIS- PARIS (R$ 1.105), da Chanel, é a companhia perfeita. Olivier Polge trouxe ao frasco a autenticidade da Paris vista pelos olhos de Coco Chanel. Como o jeitinho da mulher francesa, despretensiosa e impactante, a fragrância é composta pela rosa damascena reforçada por acentos cítricos frescos e intensificada pelo extrato de pimenta rosa e pela base de patchouli. O resultado é um perfume sofisticado e versátil, como a maison sempre faz. chanel.com/pt & sephora.com.br

LIVRO

Clubes de Assinatura de Livros
Fósforo/Divulgação

Em casa

Talvez uma das coisas mais gostosas do meu trabalho seja descobrir autores novos, e vi nos clubes de assinatura uma oportunidade de quebrar o ciclo de deixa- eu-ler-só-mais-um-livrinho-da-Virginia- Woolf-aqui. São muitos disponíveis no mercado, por isso selecionei dois dos quais acredito na proposta + curadoria. O primeiro é o Círculo de Poemas(R$ 74,90 com frete incluso), organizado pelas editoras Fósforo e Luna Parque. Nele, você recebe mensalmente um livro de poesias de algum autor brasileiro ou estrangeiro num esquema de resgate da produção de nomes inscritos nos séculos 20 e 21. Caso do Poemas Reunidos, de Miriam Alves (foto). Além disso, os assinantes ganham poemas exclusivos escritos por autores convidados em formato plaquete.

Clubes de Assinatura de Livros
Dois Pontos/Divulgação

Já a Dois Pontos, livraria online, disponibiliza as caixinhas Histórias Irresistíveis (R$ 59,90, com livros de ficção selecionados a dedo) e Bússola (R$ 59,90, para quem curte um papo cabeça com títulos de não ficção). Ambos garantem
o livro inédito ao assinante dois meses antes de chegar às livrarias. Além disso, artes personalizadas envelopam as capas originais para finalizar a experiência. 

ARTE

Exposição Women in Balance
Salvatore Feragamo/Divulgação

Tempo presente

Seguindo nos achados preciosos da Itália, a recém- inaugurada Women in Balance é parada obrigatória caso esteja de viagem por lá. Organizada dentro do Museo Salvatore Ferragamo, em Florença, a exposição mostra o quanto a vida de uma pessoa (ou contexto social) está entrelaçada pela realidade de sua época. Tudo começa com um olhar minucioso para a atuação de Wanda Miletti Ferragamo (foto abaixo) dentro da marca fundada pelo seu marido, Salvatore Ferragamo – ela assume as rédeas após o falecimento dele, em 1960, e fica até a sua morte, em 2018.

Wanda Miletti Ferragamo
Salvatore Ferragamo/Arquivo pessoal

Com esse posicionamento, entende também o novo papel da mulher à sua época, que, para além das questões domésticas, pode sonhar com uma carreira promissora. “Nós, mulheres, fazemos tudo, não importa o que ou onde seja nosso escritório”, escreveu aos netos. E é desse olhar atento que ela seguiu evoluindo, na marca e na vida pessoal, como evidencia a curadoria de Stefania Ricci. Fotografias históricas, obras de arte, criações de moda e design de outras mulheres costuram esse público-privado enaltecendo a linguagem feminina como possibilidade de um futuro menos assimétrico para a sociedade. Até 18 de abril de 2023. ferragamo.com/museo

MODA

Gucci x Adidas 2022
Divulgação/Divulgação

Duo de respeito

A mais-aguardada-comentada-desejada coleção de moda chegou ao Brasil. Sim, Gucci x Adidas está entre nós. A collab hit das redes sociais traz o ícone do trevo da marca esportiva em bolsas, jaquetas, tênis, camisetas e mais. Tudo com a estética vintage e colorida pela qual a marca italiana é conhecida desde que Alessandro Michele assumiu a direção criativa. As peças são perfeitas para criar looks esportivos com um quê fashionista.

Continua após a publicidade

Publicidade