Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Festival de Cinema de Berlim deixará de separar prêmios por gênero

Para diretores da premiação, decisão é sinal de maior conscientização na indústria cinematográfica

Por Da Redação Atualizado em 21 set 2020, 12h25 - Publicado em 26 ago 2020, 18h33

A organização do Festival Internacional de Cinema de Berlim, também conhecido como Berlinale, anunciou na última segunda-feira (24) que irá extinguir a distinção de gênero para seus prêmios na categoria de atuação.

Assim, a partir de 2021, no lugar de “Melhor Ator” e “Melhor Atriz”, serão premiadas com o Urso de Prata a “Melhor Performance Principal’ e a “Melhor Performance Coadjuvante”.

Em comunicado, os diretores do festival Mariette Rissenbeek e Carlo Chatrian declararam acreditar que “não separar os prêmios da categoria de atuação por gênero é um sinal para uma maior e mais sensível conscientização na indústria cinematográfica.”

Também foi revelado que o prêmio Alfred Bauer, nomeado em homenagem ao primeiro diretor do Berlinale e suspenso após revelações de que Bauer era nazista, não será mais concedido. Em seu lugar, será apresentado o Urso de Prata do Júri. A 71ª edição do Festival de Cinema de Berlim acontecerá presencialmente entre os dias 11 e 21 de fevereiro de 2021.

  • O que falta para termos mais mulheres eleitas na política

    Continua após a publicidade
    Publicidade