CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS
Kika Gama Lobo Por Atitude 50 Focada na maturidade como plataforma pessoal, a jornalista Kika Gama Lobo escreve sobre as sensações e barreiras que as mulheres de 50 anos vivenciam

Mendigo Pegador: o sexo consensual que converte o homem em celebridade

Fico pensando o que leva uma sociedade a tratar o “ comedor” como herói

Por Kika Gama Lobo 6 abr 2022, 14h41

Não entendi nada ainda. A mulher, um tanto desequilibrada, faz sexo consensual com um mendigo e o caso transforma o homem em celebridade? O mundo virou. Nada contra o rala e rola da madame com o faminto, mas a carne fraca é a da humanidade. Como assim elevam o homem à categoria vip?

O mendigo ganhou seus 5 minutos de fama: canção composta pelo grupo Gata Love, Instagram, passe livre em eventos e a boca e o corpo de outras mulheres horizontalmente disponíveis. Fico pensando o que leva uma sociedade a tratar o “ comedor” como herói. Ninguém quis saber sobre o estado mental da mulher, de suas vulnerabilidades e fragilidades.

Mesmo no auge do cio, não devia estar bem. Ninguém chama um morador de rua para acasalar dentro do carro e tudo bem. Aliás nada vai bem em termos de nova era midiática. Fake news, guerra em 4K, algoritmos que promovem racismo, misoginia e outras tantas violências.

No tal Metaverso, somos convidados a existirmos através de avatares. Do jeito que a coisa vai, vou ter que me lembrar quem eu sou, de onde eu vim, qual a minha história, pois toda a narrativa está prestes a mudar. Seremos factoides de nós mesmos e periga deixar que os outros definam como devemos ser. O mundo caminha pro lixo. E não há desculpas para não refletirmos agora.

Continua após a publicidade

Publicidade