CLIQUE E ASSINE A PARTIR R$ 6,90/MÊS

Novas queratinas para recuperar o cabelo após a química

Elas têm partículas menores do que a queratina comum e são mais eficientes para repor as proteínas perdidas nos tratamentos químicos. Conheça a queratina hidrolisada e a microqueratina e tenha fios fortes e saudáveis.

Por Redação M de Mulher Atualizado em 15 jan 2020, 09h06 - Publicado em 9 fev 2014, 21h00

As novas queratinas são mais eficientes e recuperam os danos causados por tratamentos químicos
Foto: Agência Fotosite

As chances de ficar com fios quebradiços depois da química são enormes. Isso porque procedimentos como alisamento e luzes abrem as cutículas do cabelo e contribuem para a perda de proteínas, como a queratina. E para não ficar com os fios sem vida, a melhor solução sempre foi a reposição desses componentes. 
 
Mas o problema é que depois de muitos tratamentos com a proteína, corria-se o risco de ficar com o fio duro e quebradiço (justamente o efeito contrário ao esperado). A novidade são as novas queratinas, muito mais eficientes. “Elas têm partículas menores do que a queratina comum e repõem a proteína de maneira profunda, sem o risco de causar a quebra do cabelo”, explica a terapeuta capilar Ana Carolina Ribeiro. Entenda agora todo o poder dessa novidade.
 
O que é 
A nova queratina aparece em duas versões: a hidrolisada e a microqueratina). A primeira, além de manter o fio hidratado, possui moléculas menores do que a queratina comum, e por isso consegue entrar nas cutículas. A microqueratina penetra mais profundamente no cabelo, já que tem partículas menores que a queratina hidrolisada.
 
Vantagens 
Além de maior penetração, os dois novos tipos de queratina passam longe do problema de ocasionar saturação e quebra dos fios. O cabelo fica muito mais forte!
 
Quem deve usar
São indicadas para cabelos que sofreram processos químicos (como alisamentos e tinturas), que ficaram finos demais ou estão elásticos (quando você estica o fio e ele não volta ao normal).
 
Como aplicar
Quem tem cabelo danificado pode fazer o tratamento com queratina três vezes por semana até a recuperação total dos fios – mas é aconselhável o acompanhamento de um profissional. Há produtos que são indicados para uso diário, mas isso deve estar sempre especificado na embalagem.
 

Para usar em casa

Novas queratinas para recuperar o cabelo após a química

Fotos: Divulgação

1. Creme de pentear com microqueratina contra frizz, L’Oréal Paris, R$ 7,60*
2. Máscara de tratamento com queratina hidrolisada de soja, Monange, R$ 5,12*
3. Tratamento com queratina hidrolisada e ativador de calor, Dove, R$ 11,50*
4. Xampu com pró-vitamina B5 e microqueratina, Mahogany, R$ 26*
 

Para fazer no salão

 
Smart Brush, da For Beauty
O cabelo é lavado com o xampu e depois é aplicado o condicionador reconstrutor, que age por cinco minutos. Os fios são enxaguados e, em seguida, é aplicada a máscara reparadora da raiz às pontas. Depois de dez minutos, os fios são enxaguados. Aplica-se um leave-in e, então, o cabelo é escovado. Por fim, o frizz é domado com um óleo finalizador. Indicado para fios: Quebradiços e elásticos. Preço médio: A partir de R$ 100*
 
Thermo Reparação Deluxe, da Wella
O cabelo é lavado com o xampu de limpeza profunda. O excesso de água é retirado com a toalha e a máscara reparadora – turbinada com gotas de um mix de óleos (argan, amêndoas e jojoba) – é aplicada, mecha a mecha. O cabelo deve ficar próximo a uma fonte de calor, como touca térmica, por dez minutos. Os fios são enxaguados e finalizados com três gotas do mix de óleos nos cabelos. Indicado para fios: Danificados por processos químicos Preço médio: R$ 120*
 
Plástica Capilar, da N.P.P.E. Hair Care
Após o xampu de limpeza profunda, é aplicada a queratina hidrolisada e, em seguida, o cabelo é envolto por uma touca térmica por 20 minutos. A chapinha é passada três vezes em cada mecha. Depois que os fios esfriam, são enxaguados. Então, é aplicada uma máscara com monoï, colágeno hidrolisado, proteína de trigo e queratina. Após cinco minutos, o cabelo é enxaguado de novo. A finalização fica por conta de um leave-in, aplicado antes da escova. Indicado para fios: Danificados por processos químicos. Preço médio: R$ 250*
 
*Preços pesquisados em fevereiro/2014
Publicidade