Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês
Denise Steiner Por DERMATOLOGIA A médica Denise Steiner é dermatologista, ex-presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia e doutora pela Unicamp

Novo produto promete inovar os procedimentos estéticos para peles maduras

O produto, formulado com uma mistura de ácido hialurônico e hidroxiapatita de cálcio, tem que ser aplicado em consultório

Por Denise Steiner - Atualizado em 18 jun 2020, 15h25 - Publicado em 18 jun 2020, 16h00

A procura por produtos e procedimentos para manter o rosto jovial, natural, sem rugas e expressões marcadas é incessante. Nunca houve tantas possibilidades de prevenir as marcas do envelhecimento e fazer uma gestão adequada da beleza, saúde e equilíbrio da pele do corpo e do rosto. Cuidar da pele, ter um grau de vaidade, gostar de estar bem está relacionado ao bem-estar e autoestima.

A neurociência vem demonstrando que a interação positiva com a autoimagem está relacionada à saúde e felicidade. Um novo produto que chega ao mercado brasileiro traz a possibilidade de manter o rosto jovem em 3D. Isto significa que ele proporciona a possibilidade da convexidade e concavidades estarem harmônicas, melhora a flacidez e a textura e luminosidade da pele.

Trata-se de um produto que combina na mesma formulação ácido hialurônico e hidroxiapatita de cálcio. O primeiro ativo é bastante conhecido pois é uma molécula que temos no nosso organismo que preserva a hidratação facial. Ele é eficaz para preenchimento de lábios, olheiras e rugas profundas, além de ser interessante para técnicas como volumização, reestruturação e harmonização.

Já a hidroxiapatita de cálcio, é conhecida por sua capacidade de estímulo ao colágeno. Ela é considerada um dos melhores bioestimuladores da pele.

Continua após a publicidade

Nesse sentido, a mistura desses dois ativos no mesmo produto possibilita uma nova forma de preenchimento, conseguindo numa mesma sessão uma melhora significativa do volume, projeções e qualidade de pele. Esse produto será disponibilizado somente para médicos especializados, pois o conhecimento da anatomia facial deve ser profundo, detalhado e completo, além de a aplicação ter de ser feita em consultórios, usando injeções.

Em geral, na região malar e área do queixo, ele é aplicado num plano profundo (submuscular) e também num plano mais superficial acima da musculatura. A técnica de aplicação preconiza a retroinjeção para que o produto seja espalhado de forma natural e homogênea. Na linha da mandíbula e também periauricular a aplicação será mais superficial e proporcionará uma definição dos contornos e ângulos faciais.

São necessários em média 3 sessões realizadas ao longo do tempo, sendo que os resultados são duradouros e naturais. Há poucos efeitos indesejáveis, como ligeiro inchaço e eventuais hematomas que desaparecem em 5 a 10 dias. As atividades diárias podem seguir dentro da normalidade. Não há idade específica para aplicação deste produto, podendo ser utilizado tanto aos 30 para prevenir como  aos 60 para corrigir.

O que você precisa saber sobre gravidez em tempos de pandemia

Publicidade