Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Conversa de Vó Natália Dornellas é jornalista, podcaster e ativista da longevidade. Procura por avós e avôs para prosear e histórias de #avosidade para contar. É criadora do podcast Conversa de Vó e cofundadora da plataforma 40+ AsPerennials

“Vovó mais doida do Brasil” faz sucesso dançando. Veja os vídeos

Dirce Ferreira também é conhecida como "Vovó do Passinho”, pois adora uma coreô, principalmente se for da Anitta ou de algum astro pop

Por Natália Dornellas Atualizado em 9 dez 2020, 15h31 - Publicado em 9 dez 2020, 19h00

Se você segue a Claudia Raia (ou também ama uma vovó como eu) pode já ter visto a personagem de hoje da coluna. Autoproclamada “Vovó mais Doida do Brasil”, Dirce Ferreira, de 73 anos, viu seu número de seguidores no Instagram (@donadirceferreira) aumentar ainda mais na última semana, quando foi parar no perfil da atriz.

Dirce Ferreira
Instagram/Divulgação

Conhecida por muitos como “Vovó do Passinho”, pois adora uma coreô, principalmente se for da Anitta ou de algum astro pop, essa enfermeira aposentada que ganha a vida costurando e alugando um salão de festas em Uberlândia, caiu na rede por acaso, quando resolveu fazer um post “imitando” a pose de uma neta e agradou em cheia a audiência.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Dirce Ferreira (@donadirceferreira)

Uma das mais procuradas pelas grandes marcas no Brasil, quando o target é longevidade (ela, inclusive, está amando muito fazer campanhas de lingerie), dona Dirce é uma “silver influencer” que ainda não se garante com o trabalho do Instagram e comprou há pouco uma máquina para fabricar fraldas infantis. “O serviço está pouco”, me disse, numa conversa que tivemos em setembro.

Apesar de ser amada pelos “seguinetos”, como chama os seguidores, Dona Dirce recebe, sim, algumas poucas mensagens carregadas de idadismo e preconceito, mas não liga. Segundo ela, sua idade cronológica é 73, mas sua cabeça tem 30 e seu corpo, 40. Viva, a Dona Dirce.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Dirce Ferreira (@donadirceferreira)

Dirce Ferreira
Instagram/Divulgação

*Para ver mais histórias com esta e acompanhar minha “curadoria de avós e avós”, acesse nataliadornellas.com.br ou @natalia dornellas, no Instagram. Ah, e se conhecer personagens que mereçam ter suas histórias contadas, me deixe saber

  • Continua após a publicidade
    Publicidade