Os 4 melhores tratamentos de consultório para olheiras

Confira o que os médicos disponibilizam para combater olheiras. Se você já tentou de tudo e o problema afeta sua autoestima, vale a pena o investimento.

 

Se você já tentou cremes e não teve resultado, invista em um tratamento de consultório para as olheiras.
Foto: Christian Parente

 

1- Limelight

O que é: luz intensa pulsada.

Indicação: olheiras amarronzadas e arroxeadas.

Como age: o calor gerado pelo aparelho destrói os pigmentos de melanina, transformando-os em micropartículas, que são reabsorvidas pelo organismo. Já os vasos se contraem, diminuindo de tamanho.

Desvantagens: pode não ser tão eficiente para olheiras muito marcadas e a pele fica com pequenas crostas, que saem com o tempo.

Número de sessões: três.

Preço médio por sessão: R$ 1 mil*.
 
 

2- VBeam Perfecta

O que é: aparelho de laser, com ondas de comprimento específico para tratar vasinhos finos.

Indicação: olheiras arroxeadas.

Como age: o calor emitido pelo aparelho cria áreas de vácuo dentro dos vasos, “sugando-os” e encolhendo-os. Assim, eles ficam menos aparentes e o arroxeado diminui.

Desvantagens: é bem dolorido e a pele fica sensível por até seis horas.

Número de sessões: quatro.

Preço médio por sessão: R$ 500.
 
 

3- Fotona

O que é: aparelho de laser.

Indicação: olheiras amarronzadas e arroxeadas.

Como age: a luz é emitida em pulsos ultrarrápidos, quebrando os pigmentos de melanina, que são reabsorvidos pelo corpo. “O laser ainda reduz o calibre dos vasinhos, diminuindo o transporte de sangue na área e, assim, a coloração arroxeada”, explica o dermatologista Aldo Toschi, de São Paulo.

Desvantagens: dói e a pele pode ficar irritada depois.

Número de sessões: de três a quatro.

Preço médio por sessão: de R$ 800 reais a 1,2 mil reais.
 
 

4- Preenchimento com ácido hialurônico

O que é: injeções de ácido hialurônico para nivelar as olheiras.

Indicação: olheiras fundas.

Como é feito: o ácido é introduzido com uma cânula fina ou agulha abaixo do músculo. O efeito dura até um ano.

Desvantagem: corrige o relevo da pele, mas não a coloração. Por isso, o uso é muitas vezes associado a outros tratamentos.
 
Número de sessões: uma.

Preço médio por sessão: R$ 1,5 mil*
 
 
 
Fontes: dermatologistas Carla Albuquerque, de São Paulo; Karla Assed, do Rio de Janeiro, e Mônica Azulay, da Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro.
*Preços pesquisados em julho/2014
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s