Aprenda a fazer diferentes acabamentos na pele

O segredo de um viço natural está na combinação de produtos cremosos

A variedade de acabamentos é o foco da estação. Para não ter medo de ousar, eleja uma nuance única para todo o rosto e abuse das texturas, atualizando o make.

Sob o sol

A pele nunca esteve tão em evidência. O segredo de um viço natural está na combinação de produtos cremosos. Comece com um hidratante, escolha uma base fluida luminosa (atenção às versões em conta-gotas) e aplique com os dedos.

Para um efeito pós-praia, marque as bochechas e o topo do nariz com um blush em musse coral. Vale usá-lo esfumado também nos lábios e nas pálpebras.

 (Ronald Luv/CLAUDIA)

Andar de cima

Suba o tom natural dos lábios e chegará aos avermelhados e alaranjados. A dica para inovar é levar o brilho da boca também aos olhos. “Espalhe uma sombra líquida cereja em toda a pálpebra com a ponta dos dedos. Depois, aplique uma segunda camada, mais alaranjada, e vá espalhando com batidinhas”, explica a maquiadora Angel Moraes, de São Paulo.

 (Ronald Luv/CLAUDIA)

Dois pra cá

Os lábios esfumados sem bordas impecavelmente marcadas, chamados de blurred lips, estão com força total. “O efeito é conquistado com um batom bem pigmentado, aplicado em toda a boca. Depois, basta atenuar os contornos com um cotonete”, explica Angel.

Combine-os com olhos poderosos. Aqui, o destaque está no canto interno, que recebe sombra laranja acetinada, tornando o formato amendoado. “Mantenha essa dupla em foco e abra mão do blush”, indica a maquiadora.

 (Ronald Luv/CLAUDIA)

Ponto de impacto

O pó bronzeador com cintilância, além de corar as têmporas, é protagonista na marcação do côncavo – em geral, realçado com sombras de acabamento opaco.

O pulo do gato do make está no estilo que preenche a região abaixo das sobrancelhas, mantendo as pálpebras nuas. Finalize com camadas de máscara para cílios e gloss incolor.

 (Ronaldi Luv/CLAUDIA)

Bola de sabão

Em um pincel de cerdas macias, combine sombra roxa com iluminador holográfico e leve a cor das pálpebras até as têmporas, criando um blush deslocado com perfume dos anos 1980. O lilás é aposta certeira para sair do óbvio e, de quebra, conseguir esse efeito furta-cor, de asa de borboleta.

 (Ronaldi Luv/CLAUDIA)

Água a gosto

Como brilho molhado está em evidência, o gloss agora chega também às pálpebras. “Aplique uma sombra em pó sobre uma camada de corretivo para que ela grude bem. Em seguida, espalhe o gloss transparente com o próprio aplicador de esponja”, ensina a maquiadora. O produto deve acumular nas dobrinhas, mas não se preocupe! A graça está nesse aspecto despretensioso.

 

 (Ronaldi Luv/CLAUDIA)