CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Nadadora chinesa quebra tabu sobre menstruação em entrevista

Por que é que, em pleno 2016, esse assunto ainda fica por trás dos panos?

Por Giovana Feix Atualizado em 21 jan 2020, 06h19 - Publicado em 16 ago 2016, 07h47

Logo depois de deixar a desejar em sua performance no último domingo (13), a nadadora chinesa Fu Yuanhui encantou, mais uma vez, o mundo todo pela internet. Entrevistada por uma jornalista, ela mencionou, sem papas na língua, um dos fatores que influenciou seu desempenho na prova: a menstruação. “Sinto que não nadei muito bem hoje, e queria pedir desculpa às minhas companheiras de equipe. Eu fiquei menstruada ontem à noite, e estou me sentindo bastante fraca e cansada, mas isso não é desculpa. Eu não nadei tão bem quanto deveria”, ela conta no vídeo que você pode conferir abaixo.

Atletas olímpicos, em geral, precisam de habilidades sobre-humanas para completarem suas provas. No entanto, chama atenção uma habilidade em particular (que, diga-se de passagem, nem todos eles têm): a de, mesmo depois da mais dolorosa das derrotas, estar diante das câmeras, sendo educado e calmo. Às vezes, isso chega até a fazer com que eles pareçam meio robóticos – e ninguém os culpa. Que situaçãozinha mais chata, né?

Yuanhui tem quebrado esse “protocolo” da maneira mais adorável possível: foi ela a nadadora que descobriu, no meio de uma entrevista, por exemplo, que tinha vencido o bronze, tendo reagido com as mais espontâneas expressões de comemoração. Mesmo assim, admitir que havia um fator tão importante quanto a menstruação influenciando sua performance no último fim de semana semana foi um passo além. Às vezes, é difícil acreditar, mas, ainda em 2016, falar de menstruação ainda é um tabu gigantesco, tanto entre atletas e quanto entre não atletas.

Na internet, muitas pessoas reagiram de forma peculiar à fala da nadadora: “Uau! Ela tem que nadar mesmo quando está menstruada?”, disse um chinês. Sim, assim como as mulheres comuns têm de trabalhar e levar suas vidas adiante – geralmente, sem poder falar sobre isso ou (imagine!) deixar aparecer o mínimo traço da presença desse “visitante”. Por ter quebrado esse silêncio, obrigada, ou, xièxiè, Fu Yuanhui! <3

Continua após a publicidade

Publicidade