Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Fórum CLAUDIA reúne mulheres presidentes de empresas

Evento acontece no WTC, em São Paulo. Acompanhe a cobertura no site, no Facebook e no Instagram (@claudiaonline)

Por Lia Rizzo Atualizado em 27 ago 2018, 15h03 - Publicado em 6 mar 2018, 00h23

Ter mais de duas dezenas de mulheres CEOs em um mesmo palco seria impensável há alguns anos. Até 1970, apenas 18% das brasileiras exerciam atividade remunerada. Quarenta anos mais tarde, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), esse percentual subiu para 53%. Um número que ainda era 20% menor em relação aos homens.

Fomos ao trabalho e à luta. Ampliamos nossa participação no mercado e quisemos mais. Passamos a desejar o topo. Em 2016, o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), em parceria com o Instituto Ethos, mapeou 500 das maiores empresas brasileiras e constatou que as mulheres ocupavam 13,6% dos cargos no primeiro escalão.

É pouco, claro. Mas o cenário, embora lentamente, apresenta mudanças. Foi esse movimento ascendente –e sem volta– que impulsionou CLAUDIA a realizar o evento pioneiro que acontece nesta-terça (6) no World Trade Center, na capital paulista.

Um fórum com a presença de mais de 20 presidentes de empresa em operação no país ou que fundaram e comandam marcas muito significativas.

Donas de histórias incríveis, de posições importantes e estratégicas, essas mulheres são unânimes em afirmar que ao longo do caminho fez diferença ter recebido apoio dos pais, do companheiro ou de outra mulher. Carregam ainda a certeza de que poderiam bancar a escolha que quisessem, e nada as deteria.

Continua após a publicidade

Hoje, além dos inúmeros compromissos que são parte da rotina corporativa delas, entendem que ser uma mulher na liderança traz responsabilidade adicional. A de compartilhar experiências para mostrar, na prática, que todas as mulheres podem e devem persistir. Porque nós temos direito. Estamos falando apenas do direito a uma carreira bem-sucedida? Não. É imprescindível dizer que, antes de profissionais, nesse elenco há mães, esposas, filhas, irmãs, amigas, madrastas e avós. Que trabalham duro, sem abrir mão da vida pessoal.

No fórum, elas revelarão como esses universos se encontraram e se equilibraram. Com toda liberdade, elegeram os temas que enfocarão ao longo dos debates. Uma oportunidade para a plateia ouvir episódios de coragem, ousadia e determinação. E também conhecer as causas que essas mulheres defendem, suas preocupações e seus anseios para um futuro melhor para todas.  Clique aqui para ver a programação completa.

Para acompanhar a cobertura:

 

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade