Casamento a bordo de um navio

Noiva conta como conseguiu realizar o sonho de se casar em alto-mar a bordo de um navio

Já pensou em trocar alianças em uma cerimônia íntima em alto-mar?
Foto: Divulgação

A paulistana Adriana Guimarães Coelho embarcou em um transatlântico com o noivo, Eduardo La Luna, sem saber onde ou que dia iriam se casar. Tudo dependia da programação a bordo, já que ambos, professores de dança, estavam a trabalho. Confira o relato:

“Parecia um sonho. Eu não conseguia acreditar que uma simples brincadeira estava se tornando realidade. Eduardo e eu somos DJs e professores de dança e já namorávamos fazia cinco anos. Casar no mar era um desejo que começamos a acalentar um ano antes, quando atuávamos no Dançando a Bordo, evento anual de dança de salão realizado em um navio. A ocasião reunia muitos amigos e colegas de profissão. Então, aproveitamos a oportunidade para fazer uma cerimônia simbólica de casamento. Da nossa família, só nossas mães e a irmã do Edu puderam comparecer.

A rota passava por Santos, Rio de Janeiro, Salvador, Ilhéus e Ilhabela e embarcamos sem saber exatamente o dia em que nos casaríamos. Eu estava a trabalho e não podia contar com tempo para me arrumar. Para prevenir, montei um buquê com flores artificiais e escolhi um arranjo de cabelo prático. Antes da viagem, minha mãe tinha costurado e bordado meu vestido de noiva.

A cerimônia foi no dia 17 de fevereiro, quando estávamos ancorados em Salvador, um lugar abençoado. O casamento fez tanto sucesso que muitas pessoas me perguntaram se fazia parte de algum show. No lugar do padre, o comandante realizou a cerimônia. Nossos padrinhos, escolhidos entre amigos e alunos, estavam com roupa de pirata porque, após a troca de alianças, haveria uma festa à fantasia para os hóspedes.

Depois do casório, ainda vestidos de noivos, começamos nossa noite de núpcias trabalhando como DJs na boate. Não pretendemos nos casar nem no civil nem no religioso, nosso conto de fadas já aconteceu e foi lindo!”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s