Cientistas descobrem que o limite natural da vida humana não passa dos 115 anos

"É possível que alguém possa ter uma vida ligeiramente mais longa do que 115 anos, mas as chances de qualquer pessoa no mundo de sobreviver aos 125 é menor do que uma em 10 mil habitantes", explica Brandon Milholland, coautor da análise

Uma pesquisa norte-americana, publicada nesta quarta-feira (5) acredita ter descoberto a média da longevidade humana para o futuro: 115 anos. Através de um levantamento demográfico realizado em cerca de 40 países, cientistas nova-iorquinos do Albert Einstein College of Medicine afirmaram que a idade máxima já foi alcançada no ano de 1997 – data de falecimento da francesa  Jeanne Calment, considerada a pessoa mais velha do mundo, com 122 anos e 164 dias de existência. 

Leia mais: O que querem os idosos?​

“É possível que alguém possa ter uma vida ligeiramente mais longa do que 115 anos, mas as chances de qualquer pessoa no mundo de sobreviver aos 125 é menor do que uma em 10 mil habitantes”, explica Brandon Milholland, coautor da análise que apresenta o limite biológico da nossa idade. Acredita-se que os maiores responsáveis pelo aumento sejam os consideráveis avanços na área da saúde, além de notável progresso na nutrição e condições de vida da população mundial. 

Veja também: Idoso é convidado para participar de programa de rádio depois de ligar e dizer que está solitário​.

Porém, apesar da quantidade de idosos ter aumentado atualmente, aqueles que possuem características extremamente longevas não chegam tão longe quando comparados a outros tempos. Mas tudo pode mudar caso a comunidade científica alcance um impressionante grau tecnológico em determinado avanço – também conhecido pelas artes e fábulas como a fonte da juventude. 

Leia mais: Asilo oferece moradia a jovens em troca de cuidados com idosos​.

Ainda segundo os pesquisadores, a expectativa de vida praticamente dobrou quando comparamos o século 19 com o 20: pequenos americanos que vieram ao mundo há 200 anos viveram, em média, até os 47 anos. Em 2000, este número saltou para 79 anos. 

Veja também: Muito amor por esse casal de idosos que fez um álbum inspirado em ‘Up – Altas Aventuras’​.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s