Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Brasil é um dos responsáveis pelo aumento de 74% do sarampo no mundo!

Já havíamos nos declarado livres da doença, mas devido à baixa cobertura de vacinação, ela voltou com tudo.

Por Daniella Grinbergas - Atualizado em 15 jan 2020, 23h14 - Publicado em 1 mar 2019, 09h48

O Fundo Internacional de Emergência para a Infância das Nações Unidas (Unicef) deu um alerta importante: um estudo mostrou uma alta dos casos de sarampo no mundo, apontando que 10 países são responsáveis por 74% do aumento da doença entre 2017 e 2018. E o Brasil é o terceiro deles – Ucrânia e Filipinas ocupam as duas primeiras posições.

O pior é que o Brasil estava livre da doença desde 2015, até que em 2018 um número preocupante veio à tona: 10.262 casos de sarampo. Tudo por conta da baixa vacinação da população.

Em comunicado oficial, a  diretora executiva do UNICEF, Henrietta H. Fore, reafirma que temos vacinas seguras, eficientes e baratas contra a doença e alerta: “Esses casos não apareceram da noite para o dia. Assim como os sérios surtos que temos no momento tiveram início em 2018, a falta de ações hoje trará consequências desastrosas para as crianças amanhã”.

A doença é altamente contagiosa, não tem tratamento específico e já foi uma das maiores causas de mortalidade infantil do mundo.

Continua após a publicidade

 

Publicidade