Clique e Assine CLAUDIA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Altas temperaturas no Brasil: Veja como resfriar os ambientes

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, o Inmet, Brasília, Goiânia, São Paulo e Vitória devem bater o recorde de calor

Por Tainá Goulart
16 nov 2023, 12h44

As altas temperaturas registradas nos últimos dias estão fazendo as vendas de ar-condicionados e ventiladores aumentarem, sem contar o aumento da procura pelo trabalho presencial, para usufruir do ar refrigerado dos prédios comerciais. E os termômetros vão continuar subindo, pelo menos até sexta-feira, 17 de novembro, as temperaturas continuam lá no alto, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Apesar de picos de calor serem comuns na primavera, desta vez, essa que já é a quarta onda de calor de 2023 no Brasil, está sendo acentuada pelo fenômeno El Niño, e de forma intensa. Sem contar os efeitos do aquecimento global. De acordo com o Inmet, depois de uma semana de temperaturas acima da média, os termômetros devem atingir o pico, na quinta-feira, 16. 

Entre os locais mais quentes estarão Brasília, Goiânia, São Paulo e Vitória, que devem bater o recorde de calor no ano, com máximas variando entre 36°C a 42°C. Ainda segundo as informações divulgadas pelo instituto, 15 estados e o Distrito Federal ainda estão em alerta de “grande perigo” por causa dos termômetros elevados, com previsão de duração até sexta-feira, 17, e diminuição do calor nas próximas semanas. 

plantas na decoração de verão
Plantas e vegetação atuam como reguladores do clima e refrescam e purificam o ambiente. (Evelyn Muller/Divulgação)

Dicas de como resfriar o ambiente

Mesmo que a sensação abafada fique amena, o clima continua mais quente do que o normal. Há quem consiga investir em um bom ar-condicionado ou refrigerador, mas existem outras formas de resfriar o ambiente. 

Dentro de casa, além de abrir portas e janelas, você pode tomar algumas atitudes que vão ajudar a amenizar a sensação quente, e deixar sua sala, quarto, escritório, enfim, todos os ambientes muito mais fáceis de ficar. Veja algumas dicas:

  • Lâmpadas frias: A composição das lâmpadas na forma como ela transmite calor. Se você tiver a oportunidade de trocar a lâmpada por modelos fluorescentes ou de LED, aproveite, porque elas consomem menos energia e duram mais.
  • Plantas pela casa: O uso de plantas na decoração, como lírio-da-paz, espada-de-são-jorge, jiboia, palmeira-ráfis, palmeira-bambu, hera inglesa, tamareira-anã e antúrio, é uma ótima saída, já que esses tipos possuem propriedades purificadoras do ar. 
  • Tecidos frescos: Para cortinas e capas de sofá, opte por tecidos leves, como os cuja composição são 100% algodão, que ajuda a não reter calor. 
  • Cor das paredes: Os tons mais claros tendem a expelir mais calor do que as cores escuras, que tendem a absorver.
  • Umidifique o ar: Você pode fazer isso tanto com um umidificador eletrônico quanto posicionando baldes de água pelo ambiente. A dica de umidificar o ar é voltada para climas também secos. Diferente dos dias úmidos e de muito calor, esse fato ajuda bastante a diminuir a sensação de temperatura alta.
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de 14,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.