Primeira da família a se graduar, brasileira conquista estágio na Nasa

Carolyne Santos de Oliveira analisa as propriedades físicas e as aparências das galáxias

A brasileira Carolyne Santos de Oliveira acaba de conquistar uma bolsa para aperfeiçoar seus estudos em um estágio na Nasa, a Agência Espacial Americana.

Moradora de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, a jovem astrônoma de 27 anos é mestranda na UFRJ e foi a primeira de sua família a concluir uma graduação.

Desde janeiro deste ano, Carolyne estuda em Greenbelt, em Maryland, nos Estados Unidos. Na agência internacional, ela analisa as propriedades físicas e as aparências das galáxias.

Em entrevista ao portal G1, ela falou sobre suas dificuldades e das lutas que enfrentou para conquistar seu sonho. A jovem foi bolsista em escolas particulares do Rio de Janeiro durante o ensino médio e, apesar de estudar em uma universidade pública, a família teve que lutar para arcar com outros gastos gerados pela graduação.

“Desde o meu segundo ano de graduação até eu me formar eu recebi a bolsa auxílio que a universidade fornece para alunos de baixa renda. Com essa bolsa e com a bolsa de iniciação científica eu pagava pelas minhas passagens para ir e voltar da universidade e pelo curso de inglês”, explicou Carolyne.

Diante da conquista de um grande sonho, a astrônoma aproveitou a entrevista para falar de sua perseverança e passar uma mensagem positiva. “Dediquem-se ao máximo a cada oportunidade que aparecer na frente, porque mesmo a menor delas pode te levar até mais perto do seu sonho e, quando você perceber, já vai ter chegado lá.”

 (Arquivo Pessoal/Reprodução)

Leia mais: Austrália quer exterminar 2 milhões de gatos com petiscos envenenados
+ Quem é a mulher por trás da 1ª foto de buraco negro da história