Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Deputado australiano pede parceiro em casamento no parlamento

Lei que autoriza o matrimônio entre pessoas do mesmo sexo estava sendo votada quando Tim Wilson surpreendeu a todos

Por Da Redação Atualizado em 19 abr 2018, 19h12 - Publicado em 4 dez 2017, 19h46

Durante uma sessão do parlamento australiano que discutia, justamente, uma lei para legalizar o matrimônio entre casais homoafetivos, nesta segunda-feira (4), o deputado Tim Wilson interrompeu a audiência pública para pedir a mão do seu parceiro Ryan Bolger que estava na tribuna. Sem demora, Ryan disse sim.

O pedido foi gravado em vídeo. Nele, Tim aparece com muitas lágrimas de felicidade. Ele está junto ao seu, agora, noivo há nove anos. O casal já tinha trocado alianças antes, mas, por causa da lei australiana, não haviam oficializado o matrimonio ainda.

“Em meu primeiro discurso, defini nossa relação com a aliança que usamos em nossa mão esquerda”, declara o deputado no vídeo.

Veja também: Ser filho de um casal homoafetivo não afeta a saúde das crianças.

O projeto que permite o casamento entre pessoas do mesmo sexo foi confirmado pelo Senado australiano com aprovação da maioria da população e dos principais partidos do país (Partido Liberal, de Wilson e o Trabalhista). Até o final do ano, ele se tornará lei para a felicidade de todos os casais LGBTs na Austrália.

Assista ao momento:

Continua após a publicidade
Publicidade