Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Menino de oito anos mata a mãe com um tiro acidental de espingarda

O irmão da vítima e o proprietário da arma foram detidos

Por Da Redação - Atualizado em 17 fev 2020, 12h29 - Publicado em 21 out 2019, 14h49

Uma mulher de 33 anos morreu nesse sábado (19) em São Gotardo (MG), depois de ser atingida por um tiro acidental de espingarda disparado pelo próprio filho, um menino de oito anos.

A criança conseguiu a arma em uma fazenda a cerca de 6 km da área urbana do município, onde toda a família estava no momento do acidente. Um de seus tios, irmão da mãe, foi o responsável por carregar a espingarda. Segundo o homem, a arma foi comprada pelo dono da fazenda, um homem de 44 anos, para se defender, depois de ter ouvido barulhos estranhos nos dias anteriores.

O homem também foi o responsável por chamar a ambulância ao encontrar a irmã ferida no rosto, mas ela não resistiu. Ele estava a caminho do trabalho quando escutou um barulho de tiro. Em conversa com a Polícia, ele afirmou que errou ao deixar a arma em um local de fácil acesso para a criança.

Ele foi levado a uma delegacia por omissão de cautela e o dono da espingarda por posse ilegal de arma de fogo. O menino está sob cuidados da família.

Leia mais: Modelo preferido de Kate Middleton, o vestido envelope vem com força

+ Entrevista de Harry desagrada Príncipe William

PODCAST – Por que não sinto vontade de transar?

Continua após a publicidade
Publicidade