Mãe e filha morrem abraçadas após tiroteio

Suspeita-se que a mulher tenha sido alvo de uma execução por envolvimento com o tráfico de drogas

Testemunhas relatam o episódio sangrento que aconteceu na noite de ontem em Curitiba. Um casal e a filha estavam dirigindo pelo bairro de Capela Velha, em Araucária, quando uma moto com dois homens emparelhou com o veículo. Os homens abriram fogo contra o carro. Cristiane Munhoz, de 25 anos, morreu abraçada à filha Julia Camargo Munhoz, de 4 anos, após tentar sair do veículo. O marido, Rodrigo de Oliveira Camargo, 30 anos, conseguiu fugir, mas foi atropelado. Ele está em estado grave.

A polícia acredita que a família tenha sido alvo de execução, pois tanto Rodrigo quanto Cristiane tinham passagem pela polícia. Suspeita-se que eles tenham ligação com o tráfico de drogas. Os atiradores não foram presos, mas a investigação continuará sendo feita.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s