Fotógrafa obesa flagra reações de estranhos a seu excesso de peso

Haley Morris-Cafiero reuniu imagens em um livro

Há seis anos, Haley Morris-Cafiero, de 40 anos, começou a tirar fotos suas em público para mostrar como as pessoas ao redor agiam ao se deparar com uma pessoa obesa.

O projeto surgiu quando ela estava fazendo uma série de autorretratos em restaurantes e pontos turísticos.  “Eu configurei a câmera na Times Square e quando olhei o filme, notei que havia um homem que parecia estar sorrindo para mim nas minhas costas. Desde então, eu coloco a câmera em público para ver o que acontece quando estranhos passam por mim”, contou ela ao Daily Mail.

As imagens registradas ao longo destes anos foram reunidas em um livro, disponível para compra no site da fotógrafa.

Apesar de sua aparente confiança, Haley confessou que permanece em batalha constante com seu peso e que muitas vezes já se sentiu “rejeitada e desajeitada”. No entanto, Haley garante que se recusa a ceder à pressão social em ter uma aparência perfeita.

Haley afirmou ainda que durante o processo de captação das imagens se chocou mais com os comentários on-line do que os olhares recebidos nas fotos. “Nas fotos, eu não sei o que as pessoas estão pensando, mas no comentários, eles me atacam diretamente”, disse ela. “Isso foi surpreendente. Eu sou apenas uma pessoa normal e eu estava esperando comentários sobre as imagens e qualidade das fotografias, mas eles simplesmente me rasgaram em pedaços, ou tentaram.” 

A fotógrafa garantiu que as reações negativas não a machucam mais. “Eu sei que comentários são um refúgio para as pessoas serem cruéis, mas eu acho que é divertido para elas perderem seu tempo e me contar sua opinião sobre mim. Eu amo o jeito que eu me olho”, afirmou.

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)