Filme emocionante sobre a trajetória de Amy Winehouse está nos cinemas

Morrer aos 27 anos é um tremendo de um clichê – e dos mais tristes. Amy Winehouse morreu com essa idade em julho de 2011, intoxicada pelo consumo excessivo de álcool. Como se sabe, a lista de jovens músicos que viveram até os 27 inclui nomes como Jimi Hendrix, Janis Joplin, Jim Morrison, Kurt Cobain. Mesmo com os excessos da inglesa estampados na mídia, e nas redes sociais, era difícil imaginar que sua morte também chegasse assim tão cedo. O documentário Amy, que acaba de ser lançado, lembra que esse dia já estava anunciado nas incontáveis imagens em que ela aparecia embriagada e fora de si – e que seus familiares e namorado não fizeram muito para ajudá-la. Pelo contrário. Com uma coleção de imagens preciosas dos bastidores da vida da cantora, o diretor Asif Kapadia, o mesmo de Senna, traz uma uma excelente cronologia da trajetória de Amy. O filme está em cartaz até o final de outubro apenas na rede Cinemark de cinema. Confira os horários aqui.

O pôster e o trailer legendado do documentário Amy

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

Em um trecho do filme vemos Amy, aos 14 anos, cantando lindamente “Happy birthday to you” para um amigo

Ouça uma seleção de seus melhores hits

Luara Calvi Anic é editora de CLAUDIA e assina esta coluna às quintas. Para falar com ela, clique aqui.