Descubra por que os membros da Família Real não usam sobrenome

Apesar de serem conhecidos mundialmente, os integrantes da linhagem possuem um sobrenome original

Quando Meghan Markle se casou com Príncipe Harry, seu sobrenome poderia se tornar Mountbatten-Windsor. No entanto, na realeza, os integrantes da família tende a ser conhecido apenas pelos seus primeiros nomes. 

As nomenclaturas da família real podem parecer confusas, mas o motivo na verdade é muito simples: a realeza é conhecida mundialmente, então não precisa de sobrenome. “Os membros da família real podem ser conhecidos pelo nome da casa real e por um sobrenome, que nem sempre são os mesmos”, diz o site oficial da realeza . “E muitas vezes eles não usam um sobrenome.”

Por exemplo: tecnicamente o sobrenome do Príncipe Harry poderia ser Harry Charles Albert David Mountbatten-Windsor, e Meghan seria Rachel Meghan Mountbatten-Windsor

Os membros da família real também podem usar um sobrenome do título oficial de sua família. Por exemplo, o príncipe Harry e o príncipe William eram conhecidos na escola e no exército como Harry Wales e William Wales, um sobrenome que derivava do título oficial de seu pai. Enquanto isso, o príncipe George tomou o sobrenome Cambridge na escola, do título de pai de Duque de Cambridge.

Basicamente, quando estiver em dúvida sobre como se referir a um membro da família real, os primeiros nomes e títulos são mais fáceis.

Já a Rainha Elizabeth, que antigamente era a Princesa Elizabeth Alexandra Mary Windsortornou-se a próxima na linhagem quando seu pai, o Rei George VI, ascendeu à trono após a abdicação de seu tio, Edward VIII, em 1936.

A princesa Elizabeth nasceu na casa real de Windsor, fazendo com que esse fosse seu real sobrenome, se ela precisasse usá-lo.

Hoje, o sobrenome da família real britânica continua sendo Windsor. No entanto, a realeza que descende da Rainha Elizabeth II através da linha masculina usa o sobrenome com hífen Mountbatten-Windsor, quando necessário. Este último nome reflete tanto o sobrenome da família real quanto o do marido da rainha, o príncipe Philip.

“Portanto, foi declarado no Conselho Privado que os descendentes da Rainha, além daqueles com o estilo de Alteza Real e o título de Príncipe ou Princesa, ou descendentes femininos que se casassem, teriam o nome de Mountbatten-Windsor”, disse o site oficial real.

VOTE no Prêmio CLAUDIA e escolha mulheres que se destacaram