Como será a reconstrução da Catedral de Notre-Dame

As obras podem levar vários anos, até décadas, segundo especialistas

O incêndio que atingiu a Catedral de Notre-Dame na tarde de segunda-feira (15) destruiu, principalmente, a parte superior da construção. De acordo com o jornal Le Parisien, dois terços do teto da catedral foram devastados pelas chamas. Segundo especialistas, para a reconstrução da catedral serão necessários artesãos especializados em madeiras raras.

O material que será usado também deve ser bem selecionado. O diretor do grupo Charlois, o maior fornecedor de carvalho na França, prometeu oferecer os melhores materiais para a reconstrução da “floresta”, a complexa armação de madeira da catedral.

“As obras certamente vão levar anos, talvez décadas, e serão necessários milhares de metros cúbicos de madeira. Vamos ter de encontrar as melhores peças, de grande diâmetro”, explicou Sylvain Charlois à rádio France Info.

A UNESCO, com sede em Paris, anunciou que enviará uma missão para avaliar os danos e “salvar o que pode ser salvo”, como afirmou Audrey Azoulay, secretário-geral da agência, em comunicado.

O custo estimado para a restauração pode chegar a centenas de milhões de euros. Para ajudar a financiar a reconstrução, grandes empresas como Louis Vuitton, Dior, L’oreal e Apple prometeram doações milionárias para Notre-Dame.

Além disso, segundo especialistas, o trabalho poderá durar décadas. “Desde ontem venho ouvindo que levará uma década, é um absurdo”, disse o ex-ministro francês da Cultura, Jack Lang.

O ex-ministro pediu um plano de três anos para reconstruir o telhado e flecha, que desabou duas horas após o início do incêndio. “Precisamos estabelecer um prazo curto, como fizemos outras vezes em outros trabalhos excepcionais”, disse.

O incêndio

O incêndio que atingiu a Catedral demorou cerca de nove horas para ser controlado, tendo início às 20h (horário local) em Paris. Cerca de uma hora depois do princípio do incêndio, o pináculo, espécie de torre em flecha, desabou.

A torre passava por reformas, tinha 93 metros de altura e era formada por 500 toneladas de madeira e 250 toneladas de chumbo.

Fotos impressionantes mostram a dimensão do incêndio, que podia ser visto de áreas distantes do centro de Paris, onde a catedral está localizada. 

Ainda não se sabe o que causou o incêndio, mas os bombeiros apontam a reforma na torre central como principal motivo. As autoridades tratam o episódio como “acidente” e descartam, até o momento, a possibilidade de atentado terrorista.

Notre-Dame é o monumento mais visitado da França, recebendo, por ano, cerca de 13 milhões de visitantes. Em 1991, a igreja recebeu o título de Patrimônio Mundial da Humanidade.

Leia também: Feminismo é melhor avaliado entre homens que entre mulheres, diz pesquisa

Professora neozeolandesa ensina criança a lidar com emoções em 16 passos

Siga CLAUDIA no Youtube