Aprovação popular confirma importância de Jacinda Arden

Primeira Ministra é apontada como a mais popular no cargo em um século

Jacinda Arden é uma líder que vem ganhando admiradores ao redor do mundo. Aos 39 anos, há 3 como Primeira Ministra da Nova Zelândia, ela estava à frente da oposição antes assumir o cargo, em 2017.  Quando começou a pandemia, Jacinda determinou restrições de “nível 4” no país, o que impactou não apenas na vida social das pessoas como em nos negócios também. A decisão se revelou acertada. A Nova Zelândia foi um dos países mais bem-sucedidos na contenção do novo coronavírus e desde o final de abril vem retomando a vida ‘normal’.  Porém, como ela mesma avisou ao reduzir as restrições, todos atentos na luta contra o vírus.

Uma pesquisa divulgada na segunda (18), a primeira desde que a pandemia começou, a reação à COVID-19 na Nova Zelândia pôde ser medida em números. A popularidade do Partido Trabalhista aumentou 14 pontos e chegou a 56,5%  de aprovação, a maior de qualquer partido em toda a história no país. Jacinda apareceu com 59,5%, um aumento de 20,8 pontos em relação à pesquisa anterior e a cifra mais alta de qualquer líder na história da Nova Zelândia. O isolamento rigoroso liderado por Jacinda conta com uma aprovação de 92% da população.

 (Dom Thomas - Pool/Getty Images)

Jacindamania

Jacinda é a terceira mulher a ocupar o cargo de Primeira Ministra e a mais jovem no cargo. Sua gestão foca no bem-estar social e tem sido marcada por decisões liberais. Jacinda apoia o casamento homoafetivo e conseguiu mudar as leis do país para liberação do aborto, por exemplo.

Ela entrou para política quando trabalhava como pesquisadora no gabinete da ex-Primeira Ministra, Helen Clark. Em 2017 assumiu a liderança do Governo quando o líder trabalhista, Andrew Little renunciou.  No ano seguinte anunciou sua gravidez, conciliando a gestação com o cargo e tirando apenas seis semanas de licença-maternidade quando sua filha nasceu. A popularidade de Jacinda já cresce ao redor do mundo. Na Nova Zelândia chamam de ‘jacindamania’, e parece que a tendência é de crescer ainda mais.

 
%d blogueiros gostam disto: