Clique e assine Claudia a partir de R$ 5,90/mês

Terry Richardson é banido de revistas de moda por assédios

O fotógrafo coleciona denúncias de assédio sexual desde 2001 e recentemente esteve no Brasil para gravar um clipe de Anitta.

Por Júlia Warken - Atualizado em 17 jan 2020, 13h31 - Publicado em 25 out 2017, 09h19

O badalado fotógrafo Terry Richardson – que recentemente esteve no Brasil para gravar um clipe da Anitta – finalmente foi vetado de trabalhar com revistas como Vogue, Vanity Fair e GQ. O motivo? As diversas acusações de assédio sexual que ele coleciona há mais de 16 anos.

A informação foi divulgada pelo jornal britânico The Telegraph. Segundo a publicação, tal decisão consta em um email assinado por James Woolhouse, vice-presidente executivo da Condé Nast International – grupo ao qual essas revistas pertencem. A mensagem vazada seria um comunicado a todas as publicações da empresa, para que nenhuma delas volte a trabalhar com o fotógrafo. 

“Estou escrevendo a vocês para falar de algo importante. A Condé Nast não vai mais trabalhar com o fotógrafo Terry Richardson. Qualquer ensaio fotográfico que tenha sido encomendado ou qualquer ensaio que já tenha sido feito, mas que não tenha sido publicado ainda, deve ser descartado e substituído por outro material”, diz o email.

Terry Richardson e Anitta
Terry Richardson com Anitta, quando gravaram o clipe “Vai Malandra” @anitta//Instagram
Publicidade