Clique e Assine CLAUDIA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Dicas preciosas para salvar os sapatos molhados de chuva

Sim, tem salvação!

Por Gabriela Kimura
Atualizado em 20 jan 2020, 22h44 - Publicado em 17 jan 2017, 10h00

Durante o verão, umas das coisas mais comuns – além, claro, das temperaturas elevadíssimas – são as chuvas. Rápidas, poderosas e, por vezes, impetuosas, elas são ótimas para ajudar na respiração, mas podem não ser tão legais assim com os nossos pés.

Se você mora em São Paulo, sabe que chove de todos os lados – não só de cima, como seria o “esperado” -, mas, independente da sua cidade, seus sapatos nunca estão tão protegidos quanto sua cabeça. Eles são as primeiras vítimas daqueles 20 minutos que parecem não acabar jamais.

Enquanto ninguém inventa um jeito melhor de protegê-los, o segredo é tentar recuperá-los depois de um dia chuvoso no verão. A especialista e pioneira em comfort shoes Patricia Guedes, da loja PERERE, dá dicas simples e fáceis para recuperar o par:

1. Longe do sol

Jamais coloque o calçado sob o sol para secar, pois os raios solares ressecam o couro e o tecido, podendo danificá-lo ainda mais. O ideal é deixá-lo em local arejado e seco.

Continua após a publicidade

2. Não use secador

Aquecer o calçado com secador de cabelo ou na secadora também danifica os materiais como couro, tecido e costuras, além de favorecer que o solado se descole.

3. Deixe palmilhas e cadarços secarem separados

Conforme o modelo, a especialista indica removê-los para que eles sequem separadamente.

4. Jornal para sapatos de couro

Caso o sapato seja de couro, colocar jornal dentro para que ele absorva toda a umidade, mesmo sendo calçado aberto. A dica é trocar o papel de tempos em tempos até que o sapato seque completamente.

Depois de seco, os que são de couro liso podem precisar de um hidratante específico, encontrado em sapatarias e lojas de calçado, ou a cera de abelha, vendida em locais que têm produtos para animais. Outros tipos podem contar com um pouquinho de vaselina, deixando lá por 24 horas. Retire no dia seguinte com um pano seco.

Continua após a publicidade

5. Xô, mau cheiro!

Nunca guarde os sapatos molhados ou úmidos – isso já evita boa parte das chances de ficar aquele cheiro esquisito. Um truque caseiro bem simples é colocar cascas de frutas cítricas para que o calçado descanse e fique bem arejado. Laranja e limão cumprem bem essa função!

6. Não esfregue

Por mais que a vontade seja grande, evite, principalmente se o sapato for de camurça. Se precisar, passe uma escova suavemente depois de seco.

7. Para remover manchas

Utilize apenas uma flanela para tirar as manchas ou, se for preciso, uma graxa incolor para lustrar. Só cuidado para não manchar (mais), dependendo da cor do calçado.

8. Evite o mofo

O motivo importante para deixar que a peça seque totalmente antes de guardar é para não criar mofo, que adora umidade e calor para aparecer. Sapatos de materiais sintéticos, couro, tecido ou camurça podem ficar com marcas, facilmente removíveis com um pano umedecido em vinagre branco. Só passe no local exato e deixe secar na sombra, naturalmente.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de 14,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.