Top model internacional, Aline Weber revela o sonho de voltar a morar no Brasil

Em dez anos de carreira, a modelo já pisou nas mais disputadas passarelas do mundo

Na pedra do Arpoador, no Rio, Aline conta que sente saudade da comida brasileira
Foto: Marcio Nunes

Do alto de seu 1,80 metro de altura e 57 quilos, Aline Weber chama atenção ao falar que uma das coisas de que mais sente saudade do Brasil é a comida. E logo avisa: “Eu como, sim! Sou boa de prato! Sou magra por genética. Todo mundo na minha família é alto e magro, mas adoro comida. Mesmo! Bato um pratão de massa tranquilamente”.

Para cuidar da boa forma, ela apenas come alimentos mais leves à noite, quando evita carboidratos, e começou a frequentar uma academia de ginástica há um mês. Mas apenas para manter o corpo. “Um pouco de aeróbica, pelo menos duas vezes por semana para ajudar a firmar o corpo, acho que já é o suficiente. Já aprendi alguns exercícios e faço até mesmo sozinha.”

Casamento e negócios

Não à toa, um dos projetos de Aline é abrir um restaurante com o namorado, o modelo paulista Matheus Strapasson, 27, com quem está junto há oito anos. “Ele cozinha muito bem. E faz tudo saudável. No risoto, por exemplo, ele troca o arroz branco por integral. Fica uma delícia.” Mas tudo pode mudar. Ela também gostaria de montar uma pousada em Florianópolis, sua cidade preferida no Brasil. “Não sei direito. Fiquei em uma pousada outro dia tão incrível que me deu vontade de fazer uma coisa parecida. Ou, de repente, alguma coisa ligada à moda mesmo, mas aqui no Brasil. Matheus montou uma grife de camisetas, a Mercy One. Quem sabe não sigo um caminho parecido, alguma coisa com o meu nome?”

Top model internacional, Aline Weber revela o sonho de voltar a morar no Brasil

Há oito anos com o modelo Matheus Strapasson, Aline quer um casamento tradicional
Foto: Marcio Nunes

Nos projetos de Aline também estão casamento e filhos. “Mas jamais casaria em outro país. Por isso esse projeto também está um pouco adiado. Acho que tenho de ficar nos Estados Unidos pelo menos mais dois anos trabalhando.” Ela e Matheus já moram juntos em Nova York, mas a top quer oficializar a união com um casamento tradicional. “Nada muito grandioso, mas simples e bonito”, resume. Filhos? Daqui três ou quatro anos. “Não é o momento, não estou preparada para ser mãe. Estou viajando muito, é muita coisa acontecendo.”

Sob os holofotes por acaso

E toda essa correria surgiu por acaso. Aline nem sonhava com a profissão de modelo quando foi descoberta por um olheiro, aos 14 anos. Não demorou muito para garantir seu lugar em vários desfiles em São Paulo e no Rio de Janeiro para, logo depois, deslanchar na carreira internacional. “Não era um sonho, mas já estou nisso há pouco mais de dez anos. No início não gostava muito, mas hoje amo o meu trabalho. Tem sido uma escola de vida”, avalia. O bônus, admite, é justamente viajar bastante, conhecer culturas diferentes e ter novas experiências a cada semana. O ônus é a saudade da família, que continua no Brasil. A correria do dia a dia também já virou rotina. “É uma maratona, mas já faz parte da minha vida. Você aprende a se poupar, a comer bem quando consegue e a administrar a saudade de casa. Tudo isso você só aprende com o tempo”, ensina.

Nesses dez anos de carreira, Aline já pisou nas mais disputadas passarelas do mundo. Desfilou para Yves Saint Laurent, Stella McCartney e Balenciaga, entre outras grifes. E posou para capas das principais revistas de moda nos quatro cantos do planeta. Mas, com seu ritmo calmo e zen, ela explica que o que aprecia mesmo é um bom papo com pessoas relax e de ficar quietinha em um lugar tranquilo. “Por isso gosto tanto dos brasileiros. Nós somos mais assim, de bem com a vida, especialmente em Florianópolis e no Rio.”

ESTA MATÉRIA FAZ PARTE DA EDIÇÃO 1992 DA CONTIGO!, NAS BANCAS EM 20/11/2013.

Top model internacional, Aline Weber revela o sonho de voltar a morar no Brasil

Entre seus planos está montar um restaurante ou uma pousada em Florianópolis
Foto: Marcio Nunes