Ribeirão do Tempo: Querêncio é o filho de Eleonora

O pintor tem a mancha em forma do mapa do Brasil no bumbum

Sancha repara que o bebum tem a mesma 
mancha do filho abandonado por Eleonora
Foto: Divulgação – Record

O sequestro de Lincon (Eduardo Lago) termina muito mal. Quando o jornalista tenta fugir dos brutamontes, acaba sendo atropelado e vai parar no hospital. Com medo de que a busca nada convencional por seu filho possa resultar em uma tragédia maior, Eleonora (Jacqueline Laurence) desiste de encontrá-lo e comunica a Arminda (Bianca Rinaldi) que pretende retornar à Europa. A executiva argumenta com a ricaça que a presença dela é essencial para que a construção do resort seja aprovada, e a madame fica de pensar no assunto. Mal sabe que está mais próxima do que imagina de seu herdeiro. Enquanto isso, protestos pela libertação de Joca (Caio Junqueira) tomam conta do centro da cidade. 

E em meio à confusão de gente, Querêncio (Taumaturgo Ferreira) toma mais um porre. Filomena (Liliana Castro) surpreende o pai e ele tenta esconder o copo da filha, deixando o objeto cair no chão. E, atrapalhado como sempre, se machuca com o vidro quebrado. Diante do sangue que escorre, Sancha (Solange Couto) pede para Querêncio arriar as calças a fim de tratar do corte. Ela repara, então, que o pintor tem uma mancha de nascença no bumbum em formato do mapa do Brasil, exatamente como aquela do filho abandonado por Eleonora. É, minha gente, o maior bebum da cidade é milionário!