CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Reynaldo Gianecchini: “Antes do livro, não achava minha vida tão interessante”

Durante o lançamento de sua biografia "Giane: Vida, Arte e Obra", o ator falou sobre a emoção de ver sua história retratada por Guilherme Fiuza

Por Redação M de Mulher Atualizado em 16 jan 2020, 06h11 - Publicado em 10 dez 2012, 21h00

Reynaldo Gianecchini durante o lançamento de sua biografia em São Paulo
Foto: AgNews

Reynaldo Gianecchini não imaginava que sua vida era tão interessante antes de ler os episódios que o marcaram escritos por Guilherme Fiuza. O ator participou do lançamento da sua biografia “Giane: Vida, Arte e Luta“, nesta quinta-feira, 11, na Livraria Cultura, em São Paulo.

“Eu nunca tinha pensado em fazer um livro sobre minha história. Comecei a receber propostas após o meu tratamento”, contou o ator em entrevista coletiva à imprensa. “Só aceitei fazer por causa do Guilherme (Fiuza). Ele só seria a ponte entre mim e a editora, mas acabamos conversando e resolvemos trabalhar juntos”, completou.

Gianecchini também falou sobre sua relação com a imprensa: “Eu sempre tive um relação legal com a imprensa, mas às vezes eles passam do ponto. Durante meu tratamento eu recebi muito carinho dos jornalistas.” Sobre os rumores de sua sexualidade, o ator afirma que se incomodava com o que é dito a respeito. “Ficava incomodado, mas nunca parei para desmentir as coisas. Entretanto, quando eu fui fazer o livro, tive que tocar nesse assunto, explicar as coisas que falam sobre mim”.

O ator também falou sobre como se sentiu durante as entrevistas que realizou para que a biografia fosse produzida. “Eu me emocionei muito ao ler o livro, quando dei as entrevistas para o Guilherme fiz várias conexões, percebi que todos os meus personagens de novelas tinham algo parecido com o momento que eu passava na minha vida pessoal”, revelou Gianecchini.

Reynaldo Gianecchini: "Antes do livro, não achava minha vida tão interessante"

Reynaldo Gianecchini e Guilherme Fiuza apresentam o livro “Giane: Vida, Arte e Luta”
Foto: AgNews

O escritor que transformou a vida de Gianecchini em um livro

“Eu não segui uma ordem cronológica porque tentei focar na emoção, no que era importante para o Giane”, contou Guilherme Fiuza, escritor da biografia do ator. “Eu foquei nos eventos que mudaram sua vida, novelas que marcaram sua vida pessoal – mesmo aquelas que não conquistaram tanta audiência.”

Novamente falando sobre os rumores e boatos sobre a vida pessoal de Reynaldo Gianecchini, Guilherme afirma: “O livro não quer desmentir nada, apenas retratar as verdades sobre a vida dele”.

Continua após a publicidade

Publicidade