Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Rafael Cardoso: “Nada vem de mão beijada. Trabalho muito para atingir meus objetivos”

Dono de um irresistível par de olhos azuis, o ator tem muito em comum com o galã que interpreta em Além do Tempo: é romântico, pai zeloso e empresário dedicado.

Por Manuella Menezes (colaboradora) - Atualizado em 21 jan 2020, 17h21 - Publicado em 30 out 2015, 07h00

Às vésperas de completar 30 anos – ele nasceu no dia 17 de novembro -, Rafael Cardoso já é um expert em tramas de época. Entre televisão e cinema, ele acumula trabalhos ambientados em tempos de escravidão e Proclamação da República, entre muitos outros. “Cada personagem tem seu processo específico de construção. Nesses casos, gosto de pesquisar o pano de fundo histórico e como as pessoas se comportavam naquela época. Quanto maior a construção do papel, mais me divirto”, afirma. Para viver o conde Felipe, protagonista da atual trama das 6, Além do Tempo, da TV Globo, o ator buscou inspiração não só em seus estudos mas também em suas raízes. Natural de Porto Alegre, ele conhece bem a Serra Gaúcha, onde foram gravadas muitas sequências da novela. E, para cavalgar com “garbo e elegância”, como os homens daquele tempo, não encontrou dificuldades. Aliás, as éguas usadas em cena são suas. “Eu e um sócio mantemos a Cabanha Don Diló, em Cachoeira de Macacu, no estado do Rio, onde criamos cavalos da raça crioulo, que, no Brasil, se originou no Rio Grande do Sul.”

O amor pelos cavalos é apenas um dos costumes que Rafael guardou da infância nos pampas. Ainda preserva o hábito de tomar chimarrão, não resiste a um churrasco e importou de lá sua paixão por futebol. Até os 16 anos, seus planos eram seguir a carreira de volante – chegou a jogar em categorias de base do Grêmio, seu time do coração. “Quando pequeno, meu sonho era jogar bola. Foi a filha da minha madrasta que me levou a uma agência de modelos e minha avó pagou pelo meu primeiro book. Começaram a pintar comerciais e depois eu quis aprimorar minha desenvoltura para as câmeras. Eu me matriculei em cursos de teatro e não parei mais”, lembra.

Há dez anos, partiu de mala e cuia para o Rio, onde cursou a Oficina de Atores da TV Globo. Logo provou seu talento e não voltou mais para casa. Desde 2010, emenda uma novela na outra, sempre em papéis de destaque. Em Império (2014), por exemplo, roubou tanto a cena que, antes mesmo do fim da história, já estava escalado para ser o protagonista das 6. “Nada vem de mão beijada nem cai do céu. Trabalho muito para atingir meus objetivos.”

Chico Cerchiaro
Chico Cerchiaro

Continua após a publicidade

Além do sucesso profissional, a mudança para a Cidade Maravilhosa trouxe sorte no amor. Através de amigos em comum, ele conheceu a mulher, Mariana Bridi, com quem está há nove anos. Em outubro do ano passado, nasceu Aurora, a primeira filha do casal. Eles optaram pelo parto humanizado e Rafael ajudou a trazer a filha ao mundo. “Cortei o cordão umbilical. Na hora, senti um turbilhão de emoções. É difícil até colocar em palavras.” O paizão de primeira viagem é amoroso e desempenha a função muito bem – desde a troca de fraldas até acordar de madrugada para dar colo. Não é à toa que a primeira palavra pronunciada pela pequena foi “papai”. Nas redes sociais, ele compartilha momentos como caminhadas e sonecas com sua “pimpolha”, como costuma chamar Aurora. Mas tamanha dedicação não atrapalha os momentos românticos de marido e mulher. “Nosso relacionamento está em outro patamar. Se já era bom, só melhorou”, garante. Prova disso foi a surpresa que preparou para Mari há alguns meses: sem ela desconfiar, chamou alguns amigos em casa, comprou um véu de noiva e organizou um casamento para oficializar a união.

Mesmo focado no trabalho e nos cuidados com a família, Rafael não deixa de cuidar da saúde. Sempre que pode, escolhe uma das várias modalidades que pratica para se exercitar. “Corro, malho, nado, remo, jogo futebol. O importante é não ficar parado.” Na hora de escolher o que vestir, também não costuma seguir regras e tendências. “Não tenho muita paciência para escolher looks elaborados ou ir às lojas experimentar as roupas. Minhas peças já ficam combinadas no armário. Levo em conta apenas se está frio ou calor para elegê-las.” Básico, os tons branco, cinza, preto e marinho estão entre suas apostas certeiras e o corte slim é seu favorito. Acessórios, só usa se forem um amuleto ou tiverem algum significado especial. “Assim, economizo tempo. Sou prático e não tenho frescura em nada na vida.”

Ele veste: Camisa jeans, R$ 398*, e calça de brim, R$ 298*, John John. Relógio com pulseira de couro, preço sob consulta, e pulseira de aço esmaltado, R$ 290*, Vivara.
 
Styling: Marianna Baffa
Beleza: Cleide Araújo
Assistente de styling: Aline Martins
Camareira: Aline Martins Machado

Publicidade