Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Produção do BBB17 castiga brothers com mercado sem produtos

Pessoal do Tá com Tudo só conseguiu comprar comida do pessoal do Tá com Nada

Por Fábio Garcia Atualizado em 20 jan 2020, 20h08 - Publicado em 20 fev 2017, 12h15

Todas as segundas-feiras dois brothers são designados para a função de fazer compras pro pessoal do Tá com Tudo, e todos os participantes abrem a carteira e liberam as estalecas para as compras coletivas. Porém, como rolaram muitas punições nos últimos tempos que afetaram as finanças da casa, a Produção do Big Brother Brasil decidiu castigar um pouquinho os vitoriosos da semana.

Assim que Emilly e Marcos entraram no mercado do Tá com Tudo, perceberam que quase todos os produtos estavam indisponíveis. Na seção de frios e carnes, por exemplo, estavam liberadas poucas porções de carnes menos nobres. “Marcos, estamos no Tá com Nada”, chocou-se Emilly ao ver a oferta de produtos.

Marcos e Emilly no mercado BBB17
TV Globo/Reprodução

Diante das adversidades e do mercado aparentemente saqueado de tão poucos produtos disponíveis, eles foram obrigados a comprar fígado, moela e rabada. Algumas regalias, como tomate, estavam disponíveis apenas em pouquíssimas unidades. Já farinha não tinha mesmo.

Perto do fim da compra, eles perderam a chance de comprar um saco de pão porque Pedro não cedeu 4 estalecas de seu montante. Emilly e Marcos decidiram então usar isso para criticar depois o jornalista.

Vamos torcer para que não role briga por pão, senão o BBB será obrigado a convocar Renato Aragão para contar histórias tristes envolvendo o alimento.

https://www.youtube.com/watch?v=Nm0HXxJb5mA

Continua após a publicidade
Publicidade