O novo e forte álbum de Elza Soares; ouça aqui ‘Planeta Fome’

Lançado nesta sexta-feira (13), o novo disco religa o início da carreira da cantora com os dias atuais e já está disponível nas plataformas digitais

Elza Soares lança nesta sexta-feira (13), “Planeta Fome”, seu novo álbum de estúdio que religa o início de sua carreira com os dias de hoje. Nele, ela canta, entre agogôs e guitarras, do que é faminta, os seus sonhos. E mais: nele há, pela primeira vez, uma música composta inteiramente por Elza.

Não perca o que está bombando nas redes sociais

“Desde aquela menina que veio do morro com a lata d’água na cabeça até quem eu sou hoje, em nenhum instante eu deixei de sonhar”, conta Elza com exclusividade à CLAUDIA.

O nome do novo disco faz referência à sua participação no programa “Calouros em Desfile”, na Rádio Tupi, apresentado por Ary Barroso. Ao vê-la vestida com trajes probes, o apresentador perguntou: “De que planeta você veio, minha filha?”. E ela respondeu: “Do mesmo planeta que o senhor, do planeta fome.”

“Eu sonhava em ter um emprego, ganhar um dinheiro para salvar meu filho, Carlinhos, que estava morrendo”, relembra. “Eu ainda estava com medo porque estava com uma roupa que roubei de minha mãe, cheia de alfinetes. Estava horrível. Além disso, um sonho meu era sair dali com a nota cinco e que ninguém risse tanto de mim quanto riram naquela noite.”

A Elza daquela época não tinha apenas a fome por comida, mas também almejava o sucesso no palco. No entanto, mesmo se tornando uma das maiores artistas do Brasil, a cantora ainda é faminta. Agora, sua fome é de cultura, de dignidade, de educação, de igualdade. É disso que se trata seu novo álbum.

O repertório de “Planeta Fome” foi escolhido minuciosamente para fazer essa religação entre a Elza na Rádio Tupi e a Elza que conquistou o Brasil, além de expôr problemas sociais ainda existentes atualmente.

“Eu preciso encontrar um país que onde a saúde não esteja doente. E eficiente uma educação que possa formar cidadãos realmente”, canta Elza em “País do Sonho”.

O disco tem participações de BaianaSystem, Orkestra Rumpilezz, Virginia Rodrigues, B Negão, Pedro Loureiro e Rafael Mike econtém 12 faixas, entre inéditas e regravações. Foi produzido por Rafael Ramos e Elza Soares e gravado pela Deck.

Ouça o álbum abaixo:

 

Leia também: Grazi Massafera posa para CLAUDIA e ganha elogio de esposa de Cauã

+ O que Juliana Paes tem em comum com Maria da Paz

PODCAST – Está na hora de pedir aumento de salário?