CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR R$ 14,90/MÊS

Em clima de final de festa, BBB 15 vive momentos melancólicos

Desistência de Tamires esvaziou a casa e jogo praticamente definido prejudica emoção da disputa

Por Gustavo Assumpção (colaborador) Atualizado em 22 jan 2020, 00h56 - Publicado em 28 mar 2015, 14h02

O último que sair feche a porta. É esse o sentimento nos últimos dias do Big Brother Brasil 15. O programa só terá sua final em 7 de abril, mas vive dias de casa vazia e disputa encaminhada.

Na festa desta sexta-feira (27), quase nada aconteceu. Desanimados, os brothers curtiram a pista, comemeram e beberam, mas as conversas parecem saturadas. O casal Fernando e Amanda são os únicos que ainda protagonizam alguma coisa.

É isso que também indicam os depoimentos dos participantes no Raio-X, vídeo diário que eles gravam para o site oficial do programa.

Neste sábado (28), Cézar e Fernando já falaram em tom de fim de festa. Fernando agradeceu por ter chegado tão longe na disputa e Cézar se revelou um prestigiado por “fazer parte dessa história”.

O mesmo sentimento está em Adrilles, que já disse até que não se vê como provável finalista. “Há certos desfechos que são bastante previsíveis. Isso não quer dizer que nos mova a algo chamado esperança, que possa reverter a possibilidade.”

Por fim, a líder da semana, Amanda, parece a única que ainda vê que ainda há espaço para jogar. “Sim, eu estou muito preocupada. É um momento muito importante para mim. Tenho que pensar muito!”, disse.

Entenda

Com a desistência de Tamires, o Big Brother Brasil 15 ficou vazio cedo demais. A produção decidiu não substituí-la e fez o jogo diminuir seu ritmo mais cedo.

Na última quinta-feira os participantes cometeram uma gafe e, ao vivo, assumiram que esperavam que o reality terminaria uma semana mais cedo. Visivelmente irritado, Bial disse que eles “estão malucos”.

Continua após a publicidade
Publicidade