Ashton Kutcher faz discurso tocante sobre tráfico de crianças

O ator é um dos fundadores da Thorn: Digital Defenders of Children, entidade criada em 2009 para lutar contra este tipo de crime

Na última quarta-feira (15), o ator Ashton Kutcher deu um depoimento de tirar o fôlego durante uma audiência em combate à escravidão moderna. O ator se posicionou em nome da organização Thorn: Digital Defenders of Children, que foi criada em 2009 com a ajuda de Demi Moore, sua ex-esposa, para lutar contra o tráfico e abuso sexual de crianças.

Kutcher, que é pai de dois filhos com Mila Kunis, falou durante a Comissão de Relações Exteriores do Senado dos Estados Unidos sobre o trabalho na Thorn e relembrou cenas inacreditáveis que viu em missões do FBI (Federal Bureau of Investigation).

Eu vi vídeos de uma criança da mesma idade que a minha sendo estuprada por um homem americano que era turista sexual em Cambodia“, relatou. “Ela estava tão condicionada em seu ambiente que ela achava que estava participando de uma brincadeira”, completou.

A empresa representada por ele tem ajudado na investigação desse tipo de crime, para que seja resolvido de maneira mais rápida e eficiente. “Em seis meses, com 25% dos nossos usuários reportando, nós identificamos mais de 6 mil vítimas de tráfico, sendo que 2 mil são menores de idade”, finalizou.