CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Após saída de Diego, BBB19 tem um dia ainda mais morto que o habitual

Se a produção do BBB19 não tomar providências, o reality show entra num marasmo.

Por Fábio Garcia Atualizado em 16 jan 2020, 00h28 - Publicado em 13 fev 2019, 16h49

Acompanhar o BBB19 é uma mistura de querer eliminar as pessoas chatas e desejar que elas fiquem para movimentar o jogo. Enquanto numa novela o vilão está até o último capítulo atazanando a cabeça do protagonista, em reality show o público tem a opção de eliminar a Carminha no começo da novela. Para a narrativa, isso é um desastre.

A saída de Diego repercutiu um pouco na dinâmica do jogo. O grupo conhecido como Villa Mix nas redes sociais sofreu um baque com a eliminação do rapaz e todo mundo se retraiu nessa quarta-feira. Absolutamente nenhum movimento contra o grupo da Gaiola foi articulado, e o máximo de intriga causada na casa foi quando Paula7 declarou não ter a menor vontade de ficar com o recém-eliminado. Já o grupo da Gaiola continua fazendo vários nadas durante o dia todo, sendo um péssimo entretenimento (embora boas pessoas).

Mas há dúvidas se Diego realmente conseguiria causar na casa como sua imagem prometia. Embora tenha se envolvido em embates com as pessoas do grupo adversário, aqui fora ele tem sido gentil e amável com todos. Em suas entrevistas tem sempre exaltado o melhor, tanto dos amigos quanto dos inimigos. Sua única demonstração de rancor foi ter criticado Elana e Danrley, mas até aí eles foram os responsáveis pela indicação (e eliminação) do brother.

Com dois meses de reality pela frente, vamos ver como o programa vai se virar para criar uma historinha com tão pouca coisa acontecendo nessa edição.

Continua após a publicidade

Publicidade