Clique e assine Claudia a partir de R$ 5,90/mês

Ana Paula confessa medo de Adélia: ‘Tenho que ficar longe’

Sister avaliou ameaças da advogada às vésperas de um paredão decisivo

Por Redação M de Mulher - Atualizado em 21 jan 2020, 14h03 - Publicado em 1 mar 2016, 06h38

Após descobrir que foi vítima de ameaças da advogada Adélia, Ana Paula confessou aos aliados que está com medo de um possível confronto com a sister. Em conversa com os confinados no final da noite desta segunda-feira, ela mostrou preocupação.

Ana Paula detona Tamiel: ‘Vai sair com o maior índice de rejeição’

Eu falo com ela: ‘Você escolhe, minha filha, ou o nariz ou os dentes. Que saco. Nunca te fiz nada. Só briguei com seu brother’. Eu fico com medo. Esse trem que não tranca. A gente não tem privacidade nessa residência!”, disse a emparedada mostrando todo o seu bom humor.

A sister então pede para Ronan ficar de guarda na porta para protegê-la, mas ele diz não. “Para ganhar a liderança você fica. Agora para proteger sua própria amiga!“, brinca.

Ai, gente. Eu não estou com o maior ânimo. Eu fico com medo. Nessas festas todas agora eu tenho que ficar longe“, completa a jornalista. “Você preferia a época que ela ia na festa comia e bebia um pouquinho e ia dormir“, brinca Ronan. “Agora ela está durando“, lamenta Ana Paula.

Nesta segunda-feira, 29, Adélia se irritou e disse aos quatro cantos que ia enfrentar a sister. “Não posso colocar a mão nela, mas isso não significa que eu não possa fazer outras coisas. Não vou agredi-la aqui dentro, porque não quero sair como a negra agressora. Mas não posso aqui dentro. Lá fora, não posso prometer nada! Só que o que ela tiver que passar, de inferno, ela vai passar aqui dentro. Ela ofende todos de uma forma gratuita e eu cansei de ficar calada. Não posso ficar agindo como um rato. Agora vou tocar o terror“.

Continua após a publicidade
Publicidade