CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Dieta da raspadinha de limão ajuda a detonar as toxinas e gorduras do corpo

"Olhei no espelho e jurei para mim mesma: nunca mais ninguém vai me chamar de gorda. Comprei uma calça jeans tamanho 38 e me impus a promessa de emagrecer para entrar nela.", conta Érwelley Cardoso

Por Redação M de Mulher Atualizado em 16 jan 2020, 12h11 - Publicado em 11 jul 2012, 21h00

 

Érwelley Cardoso foi dos 93 kg para os 63 kg
Foto: Alan Teixeira / Arquivo pessoal

Assim que a bandeja de brigadeiro foi colocada sobre a mesa da festa, todo mundo pegou um. Quando chegou a minha vez, um dos meus tios comentou em voz alta: “Cuidado para não ficar mais gordinha, hein?”. Todos começaram a gargalhar. Senti meu corpo ferver. Meu rosto ficou todo vermelho. Tentei me manter firme, mas acabei chorando na frente da família toda – o choro mais sofrido da minha vida. Saí de lá correndo. Era fevereiro de 2010 e eu estava com 97 kg. Depois dessa festa, olhei no espelho e jurei para mim mesma: “Nunca mais ninguém vai me chamar de gorda”. Comprei uma calça jeans tamanho 38 e me impus a promessa de emagrecer para entrar nela. Estava lançado o desafio!

Perdi o emprego e me deprimi

Durante toda a minha vida, as pessoas implicaram com meu excesso de peso, com a minha aparência. É que sempre comi demais. Era do tipo que acordava no meio da noite para procurar comida, sabe? Era movida pelo vício de comer, principalmente chocolates, refrigerantes, bolos e pães. E depois ficava desesperada quando me olhava no espelho. Me sentia destruída, derrotada. Aí, por tristeza, raiva ou ansiedade, me entupia ainda mais de comida.

Entre 2006 e 2010, minha situação piorou, pois perdi meu emprego de atendente numa padaria e fiquei depressiva. Passava o dia todo sem fazer nada e acabava me entregando à comilança. Foi nessa época que minha obesidade chegou ao limite. Em todos os lugares, me perguntaram se eu estava grávida ou doente. Isso me matava aos pouco.

 

Dieta da raspadinha de limão ajuda a detonar as toxinas e gorduras do corpo

Érwelley ficou linda e saiu na capa da revista SOU MAIS EU!

Foto: Reprodução revista SOU MAIS EU!

Continua após a publicidade

Perdi 17 kg no primeiro mês!

Assim que decidi emagrecer para valer, em julho de 2010, comecei a fazer uma reeducação alimentar acompanhada pelo endocrinologista. Para acelerar a perda de peso, também passei a seguir algumas dicas de dieta que peguei em sites e revistas.

A primeira delas foi acrescentar a raspadinha de limão ao meu cardápio. Isso mesmo: eu espremia o limão e misturava com água gelada e gelo triturado no liquidificador. Tomava em jejum para limpar meu organismo e me ajudar a perder peso. Depois do almoço e à tarde, bebia chá verde quente, que me dava energia, acelerava a queima de gordura e regulava o intestino. Eu ainda caminhava meia hora por dia. Isso me deixava com um ótimo humor. Essa combinação foi tiro e queda: perdi 17 kg só no primeiro mês!

Depois disso, ganhei novo ânimo e comecei a me cuidar. Para meu corpo não ficar flácido, entrei na academia. Fazia musculação e corria. Aos poucos, fui ficando durinha e torneada. Ao longo de um ano, perdi mais 13 kg e atingi meu objetivo: cheguei aos 67 kg e finalmente consegui vestir aquela calça tamanho 38! Nossa, nem consegui dormir de tanta felicidade! Fazia quatro anos que eu não colocava um jeans, acredita? Essa calça se tornou um símbolo do meu emagrecimento!

Aí, foi só alegria: fui às compras e voltei cheia de roupas novas, perfumes e maquiagens! Resultado: minha autoestima hoje é a melhor do mundo. Graças a ela, consegui um novo emprego no comércio, entrei na faculdade e estou fazendo amigos! Também estou cheia de ideias para exercer minha profissão de escritora!

 

Dieta da raspadinha de limão ajuda a detonar as toxinas e gorduras do corpo

Raspadinha de limão derrete a gordura 
Foto: Getty Images 

Gelo potencializa efeito da fruta

O limão, por si só, já é um poderosos aliado da dieta, porque o ácido cítrico presente na fruta é adstringente. Ou seja: ele age como um detergente, dissolvendo as toxinas e gorduras. “A fruta faz uma limpeza no nosso organismo”, afirma a nutricionista Paula Castilho, da Clínica Sabor Integral Consultoria em Nutrição, de São Paulo. Segundo ela, o consumo do limão favorece o funcionamento do metabolismo, facilitando a perda e a manutenção do peso. Quando misturado com água gelada ou gelo, o suco da fruta é ainda mais eficiente para o emagrecimento, “pois o organismo gasta energia para elevar a temperatura da água de 5 °C para 37 °C, que é a temperatura corporal interna”, explica a especialista. Segundo ela, se ingerido em jejum, o limão limpa as toxinas que ficam acumuladas nas paredes intestinais. Para não afetar o estômago, a nutricionista recomenda consumir no máximo dois limões por dia.

Conheça o cardápio de Érwelley

Continua após a publicidade

Publicidade