CLIQUE E ASSINE A PARTIR R$ 6,90/MÊS

Sala foi transformada em bar particular

Casal trocou o mobiliário típico de um ambiente doméstico por balcão, mesinhas e decoração inspirada em um pub irlandês.

Por Texto Daniella Grinbergas | Fotos Nilo Belotto Atualizado em 19 fev 2020, 13h10 - Publicado em 26 jan 2017, 09h00

Foi necessária muita coragem para que os tecnólogos em controle ambiental Sandra Nogueira de Souza e Fabricio Queiroz Pergher transformassem o estar de seu apartamento em Rio Claro, SP, em um pub com jeitão irlandês. A ideia surgiu há três anos, em uma brincadeira do marido, que reclamava da demora de Sandra ao se arrumar para sair. “O Fabricio disse que eu me atrasava tanto que ele pensava em montar um bar em casa para que pudesse ir tomando sua cerveja”, lembra a moça. E não é que a piada vingou? O casal passou a colecionar objetos e a buscar inspiração nos botecos que frequentava. O resultado não se parece nada com uma sala convencional. Sofá, rack e tapete deram lugar ao balcão de bebidas com TV suspensa e mesinhas escoltadas por cadeiras. “Na hora de descansar ou assistir confortavelmente a um filme, temos um quartinho que virou sala de TV”, conta a moradora. As paredes cobriram-se de acessórios criativos. “Sempre trazemos algum enfeite de locais visitados”, diz Fabricio. A ambientação ganhou o aval dos amigos, que nos fins de semana sabem onde curtir jogos de futebol, tomar cerveja e ouvir música. A quem fica tentado a fazer o mesmo, o casal dá a dica: “Defina uma linha de decoração e evite pendurar de tudo para não perder o foco”.

Continua após a publicidade

Lugar de lembranças

Continua após a publicidade

• Os amigos adoram o bar particular e contribuem para seu visual. Um deles, ao voltar de Minas Gerais, trouxe o amassador de latas, que fica na área do terracinho.

Continua após a publicidade

• Entre os mimos preferidos de Sandra e Fabricio, está a coleção de abridores de garrafa.

Continua após a publicidade

• Cores escuras cobrem as paredes. A principal recebeu tinta preta brilhante, e as laterais, verde. O piso laminado de tom claro (Pátina Branca, da Durafloor) equilibra o conjunto.

Continua após a publicidade

• O mural metálico (1 x 0,80 m) exibe imagens clicadas em botecos. Para fixá-las, os moradores usam ímãs feitos por eles mesmos. “Compramos os ímãs e grudamos em tampinhas de garrafa com massa plástica. Fácil e baratinho!”, diz Sandra.

Continua após a publicidade

• Bolachas (porta-copos), quadrinhos e rótulos de cerveja emoldurados enfeitam as paredes, num total de 130 itens. E a moça não se cansa de incrementar o ambiente: “Ainda temos cerca de 40% de área livre para brincar nas superfícies!”

Continua após a publicidade

• Marcenaria

Balcão (3,50 x 0,40 m) com armários. Marcenaria Bonaldo

Continua após a publicidade

• Móveis

Continua após a publicidade

Duas mesinhas de madeira laqueadas, seis cadeiras na cor tabaco e duas banquetas altas (para o balcão). Finemóveis

Continua após a publicidade

• Pintura

Continua após a publicidade

O casal aplicou látex Verde Irlandês (ref. 43GY 24/566, 18 litros), da Coral, e esmalte brilhante preto (3,6 litros), da Suvinil. Dicico

Continua após a publicidade

• Quadrinhos

Continua após a publicidade

70 molduras de MDF expõem rótulos de garrafas de cerveja.MolduRio

Continua após a publicidade

• Acessórios

Continua após a publicidade

Enfeites, peças do bar e pôsteres da Wall Street Posters, Allposters e Empório da Cerveja. (estimativa)

Continua após a publicidade

• TV de LCD

Continua após a publicidade

Tem 40 polegadas, da Sony. Lojas Colombo (Campinas, SP)

Continua após a publicidade

• Lustres

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Duas peças de ferro e vidro. Eletrolima

Continua após a publicidade

Lazer em 13,50 m2

Continua após a publicidade

• A parede principal da sala concentra a TV de LCD suspensa e o mobiliário fixo, executado por uma empresa local, a Marcenaria Bonaldo. O projeto soma balcão de madeira e dois módulos com portas de acrílico roxo, que escondem os equipamentos de áudio e vídeo.

Continua após a publicidade

Publicidade