Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Azulejos ditam as escolhas na cozinha

O azulejo é colorido e você está na dúvida se pode ou não colorir o resto do ambiente? Confira as respostas da designer de interiores Letícia Laurino e da arquiteta Fabiana Ferré

Por Minha Casa Digital Atualizado em 19 fev 2020, 14h56 - Publicado em 5 mar 2015, 09h30

Por causa do revestimento chamativo com estampa azul e amarela, não sei se posso colorir a decoração ou se paredes e armários devem ser brancos. Fernanda Gonçalves, São Paulo 

A padronagem da parede é a estrela do ambiente, mas a cor não precisa se concentrar apenas ali. A designer de interiores Letícia Laurino Almeida, de Porto Alegre, aconselha pintar ao menos uma superfície vizinha com um tom vivo. “O jeito mais fácil de acertar na tinta é pescando o azul ou o amarelo do azulejo”, ensina, indicando Veleiro (ref. R343) ou Baba de Moça (ref. D039), da Suvinil. Já para os armários, a profissional diz que o branco é infalível, entretanto, recomenda a mescla com um padrão de madeira clarinho que dê um toque de aconchego. “Por fim, para a bancada da pia, invista em uma pedra escura, como o granito preto são gabriel, que valoriza o conjunto, combina com tudo, é resistente e duradouro”, conclui a arquiteta paulistana Fabiana Ferré.

Continua após a publicidade
Publicidade